O Ministério do Meio Ambiente abre, a partir desta segunda-feira (07), vagas para aulas à distância em oito cursos na área socioambiental. Abertos para o público em geral, os cursos são sem tutoria. Entre os temas abordados estão água, unidades de conservação, produção e consumo sustentáveis, resíduos sólidos e educação ambiental.

Cada curso está oferecendo 2.000 vagas e os interessados têm até o dia 16 de janeiro para entrar no ambiente virtual de aprendizagem do MMA, fazer o login e se inscreverem em um ou mais cursos de sua preferência.

Os cursos oferecidos são:

1- Conflitos em Unidades de Conservação: estratégias de enfrentamento e mediação  o foco do curso está na educação ambiental como instrumento de gestão e mediação de conflitos. O público alvo: sociedade em geral, com foco em formuladores e executores de políticas públicas governamentais relacionadas a UCs em âmbitos federal, estadual e municipal. A carga horária do curso é de 25 horas.

2- Educação ambiental e Água  voltado para a sociedade em geral, com foco em atores do SINGREH e da sociedade em geral que atua nas interfaces e complementaridades entre as políticas de Recursos Hídricos e Meio Ambiente. Com 60 horas, o objetivo do curso é ampliar a compreensão acerca da problemática socioambiental das bacias hidrográficas brasileiras.

3- Educação Ambiental e Comunicação nas Unidades de Conservação: estratégias que fazem a diferença  Com foco em mobilizar e empoderar gestores e educadores para a realização de práticas de educação ambiental e comunicação que contribuam com o fortalecimento da Gestão Ambiental de Unidades de Conservação e com a conservação da Biodiversidade. Público alvo: sociedade em geral com foco em formuladores e executores das políticas governamentais relacionadas a UCs em âmbito federal, estadual e municipal. O curso tem o total de 70 horas.

4- Educadores – Educação Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos  Com o total de 60 horas, as aulas são voltadas para o público em geral com foco em gestores públicos e atores estratégicos da sociedade civil. O Objetivo é qualificar a gestão de resíduos sólidos promovendo a capacitação de gestores públicos e atores estratégicos da sociedade civil organizada com base na Estratégia Nacional de Educação Ambiental e Comunicação Social para a Gestão de Resíduos Sólidos (Educares).

5- Estilo de vida sustentáveis  Voltado para cidadãos-consumidores, o curso com 30 horas visa incentivar a reflexão, discussão e ação interativas com informações e conceitos sobre mudança em favor de estilos de vida sustentáveis.

6- Fundamentos e Práticas de Educação Ambiental para Espaços Educadores  Com o total de 60 horas, o curso voltado para a sociedade em geral, com foco em coordenadores de espaços educadores, visa oferecer subsídios e instrumentos para a atuação dos educadores ambientais de forma a contribuir com o fortalecimento dos espaços educadores no processo de implementação das políticas públicas de Educação Ambiental no país.

7- Guia para a Produção de Conteúdos EAD  Todo profissional que deseja aprender ou aprimorar técnicas de produção de conteúdo para EAD poderão se inscrever nesse curso com 20 horas, que visa desenvolver conhecimento, habilidades e atitudes que possibilitem aos profissionais por ele formados, utilizarem de maneira teórica e prática um guia para a produção de conteúdo para a Educação a Distância (EAD), contribuindo para o fomento da educação ambiental.

8- Produção e Consumo Sustentável  Com o objetivo de sensibilizar e divulgar informações pertinentes à área ambiental, oportunizando conhecimentos em produção e consumo sustentáveis, desenvolvendo ações e acompanhamento do sistema de gestão ambiental e economia verde, o curso com 40 horas é voltado para cidadãos, empreendedores, estudantes e trabalhadores.

 

*Com informações da Assessoria de Comunicação do Ministério do Meio Ambiente

Faça o seu comentário