FEIRAS LIVRE DE SEROPÉDICA É UM ATRATIVO CULTURAL, VENHA VISITAR-NOS

A Feira Livre do km 40 cada vez mais recebe visitantes dos municípios vizinhos que veem comprar os produtos vendidos ali. Entre as barracas mais visitadas são do Artesanato, onde se vê verdadeiros artistas manuais, muitas delas são obra de arte. 

A palavra Feira teve origem na palavra em latim feria, que significa “dia santo ou feriado” e a palavra freguês, usada para tratamento dos consumidores de feira livre, originou-se também do latim filiu ecclesiae que significa “filhos da igreja”. Assim, no início, as pessoas ou fiéis aproveitavam as festas religiosas para se reunirem e para trocarem mercadorias.

Na feira livre há aqueles que observam, pechincham e procuram algo específico, bem como há aqueles que criam laços de afetividade, próximos da amizade que rompe a relação comerciante-freguês, o que sustenta em grande parte a tradição de ir a feira toda semana, comer pastel e tomar caldo de cana, além da variedade e qualidade dos produtos ali encontrados. Todos nós temos uma história de identidade e lembrança de uma feira, seja no âmbito alimentar ou simples lazer.

Além disso a Feira Livre do Km 40 é rodeada de comércios, são Quiosques que oferecem uma cerveja gelada, um tira gosto, como também é local onde as famílias se reúnem. A Guarda Municipal faz um papel importante dando apoio na segurança tanto dos comerciantes como também dos visitantes.

A Coordenadora da Feira Livre, Ana Cristina, disse que ainda tem vaga para quem quiser vender seus produtos, não é cobrado Taxas, e as barracas são padronizadas: ” O Cadastro para novos Feirantes estão sendo feitos na Secretaria de Trabalho e Emprego que fica no Prédio da CVT Faetec, na Reta do Piranema, de terças a sextas-feiras de 8:30 as 11:00, contato tel. 21 99366-5034 – Ana Cristina”.

O Secretário de Trabalho, Emprego e Renda da Prefeitura de Seropédica, Nelson Matos, disse que as Feiras Livres ajudam as famílias a se manterem, principalmente neste período de pandemia; “Temos um projeto de fazer da Feira Livre itinerante, para atender bairros mais distantes, como Canto do Rio e Jardim Maracanã”.