Os festejos do Dia do Catequista começaram cedo neste domingo (25), na Catedral São Francisco Xavier em Itaguaí. Antes do café da manhã, foi feito uma oração em agradecimento aos trabalhos realizados por estas pessoas que dedicam seu tempo para evangelizar.

Logo após o café, foi celebrado a Santa Missa pelo Bispo Diocesano, Dom Frei José Ubiratan Lopes, que falou em sua homilia sobre São Francisco Xavier, e a dificuldade que passou no período de evangelizar. “A Igreja que na sua essência é missionária, teve no século XV e XVI um grande impulso do Espírito Santo para evangelizar a América e o Oriente. No Oriente, São Francisco Xavier destacou-se com uma santidade que o levou a ousadia de fundar várias missões, a ponto de ser conhecido como “São Paulo do Oriente”.

Já como Padre, e empenhado no caminho da santidade, São Francisco Xavier foi designado por Inácio a ir em missão para o Oriente. Na Índia, fez frutuoso trabalho de evangelização que abrangeu todas as classes e idades, ao avançar para o Japão, submeteu-se em aprender a língua e os seus costumes, a fim de anunciar um Cristo encarnado. Ambicionando a China para Cristo, pôs-se a caminho, mas em uma ilha frente a sua nova missão, veio a falecer por causa da forte febre e cansaço.

Dom José Ubiratan comparou o trabalho realizado pelos Catequistas, com são Francisco Xavier, que dedicou sua vida a catequisar, e levar a palavra de Deus a todos cantos do mundo. No final da santa missa o Padre José Eduardo veio agradecer o trabalho realizado pelos catequistas.

Logo após a Santa Missa foi feito varias brincadeiras, sendo animado por Antônio Sergio. A Coordenadora dos Catequistas, Joana Venâncio, agradeceu a todas as pessoas que ajudaram a organizar este evento. “Ser catequista é uma vocação de fato, “ser” catequista é uma vocação à serviço da Igreja, que se recebeu como dom do Senhor para ser transmitido aos demais”.

“O catequista é uma pessoa que busca constantemente cultivar sua formação. Somos eternos discípulos da vida e da fé. Ser catequista é ser pessoa de comunicação, capaz de boas relações entre as pessoas, para construir comunhão”.

Às 13 horas foi servido um delicioso almoço feito com muito carinho, pelas equipes das paroquias que vieram apoiar o Dia do Catequista. Durante o almoço teve acompanhamento musical da Banda Bruna e Rogerio, que animou a tarde dos Catequistas.

 

Faça o seu comentário