A Prefeitura de Seropédica está intensificando a fiscalização de obras irregulares. A afirmação é do secretário de Obras, Fernando Barros, após seis obras serem notificadas na última fiscalização realizada nos Bairros Boa Esperança, Fazenda Caxias e Campo Lindo.

A fiscalização de obras é feita regularmente pelos fiscais da Prefeitura Seropédica. As ações fiscais incluem construções em andamento (novas ou modificações em edificações), licenciadas e irregulares. Além de notificação para a correção da irregularidade, as penalidades previstas na legislação incluem, conforme a infração, embargo e multa.

O Código de Obras estipula que nenhuma edificação, construção ou reforma poderá ter iniciada sua execução sem que seu projeto tenha sido aprovado e a construção licenciada pela Prefeitura Municipal. “Construções sem licença de construção estarão sujeitas a embargos administrativos, judiciais e aplicação de multas. Em caso de irregularidade, a equipe de fiscalização realiza a notificação da obra, dando um prazo para o proprietário se regularizar”, explica Fernando Barros.

É importante ressaltar que a fiscalização por parte do município tem como norte a observância do cumprimento das normas previstas no Código de Obras (Lei 9/1997), ou seja, se a execução da obra está de acordo com o projeto aprovado pela Prefeitura e se a construção atende os parâmetros urbanísticos legais.

Nos casos em que a fiscalização observa alguma situação de risco, o responsável pela obra é notificado a apresentar laudo técnico de estabilidade, elaborado por profissional habilitado (registro no CREA ou CAU), que aponta se há risco iminente e quais as providências precisam ser tomadas para eliminá-lo.

De acordo com Fernando Barros, Secretário de Obras, a fiscalização observa também se a obra possui alvará de construção; se os cuidados com a segurança estão sendo tomados, por exemplo, uso de bandejas e telas protetoras; se o empreendimento possui licenças específicas necessárias para a obra em questão, como de movimentação de terra; se a obra tem acompanhamento de responsável técnico; se a placa de identificação da obra está correta; entre outros itens.

 1 2 3 4

Faça o seu comentário