Eleições 2020: Segurança empregou mais de 30 mil policiais civis e militares

0
36

A mobilização contou com policiais militares, civis e agentes das operações Segurança Presente, Lei Seca e Marcha pela Cidadania e Ordem

Para garantir que as eleições municipais de domingo (15/11) ocorressem em clima de tranquilidade em todo o território do estado, o Governo do Rio de Janeiro mobilizou grande efetivo policial. 

Durante o domingo, a Polícia Militar conduziu 43 pessoas para delegacias. Em uma das ocorrências, policiais do 25º BPM (Cabo Frio) detiveram, em Búzios, um homem com R$ 6.200, material de campanha e folha com anotações para distribuição do dinheiro   

Os 22.036 PMs estiveram presentes em 4.892 locais de votação, além do patrulhamento de rua e estradas. Nesta eleição, pela primeira vez, aeronaves remotamente pilotadas (drones) foram usadas para auxiliar no esquema de policiamento.

Pela primeira vez, equipes da Operação Segurança Presente, Operação Lei Seca e Marcha pela Cidadania e Ordem. Ao todo, 860 policiais militares, agentes civis e assistentes sociais fizeram patrulhamento nas proximidades de 143 locais de votação da capital, Niterói e Baixada Fluminense, reforçando o efetivo de 30.036 policiais empregado pelas secretarias de Polícia Militar e Polícia Civil. A experiência de eleições passadas, quando forças federais atuaram no estado, contribuiu para o planejamento do esquema de segurança deste ano.

Em todo o estado, a Polícia Civil, que mobilizou 8 mil agentes, realizou 97 prisões durante as eleições. O trabalho dos agentes começou antes mesmo do dia de votação. Ainda na sexta-feira (13/11), agentes retiraram barricadas que impediam o acesso a seções eleitorais. Em São João de Meriti, 12 vias foram liberadas.

Planejado em interlocução permanente com gestores de outros órgãos da área de segurança e do Poder Judiciário, entre os quais o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o modelo de policiamento foi concebido a partir das particularidades de cada área, levantadas pelos setores de inteligência dos órgãos envolvidos. 

Neste domingo, o Centro Integrado de Operações Coordenadas foi ativado no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) sendo formado por equipes de 11 órgãos estaduais, municipais e federais: Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria de Administração Penitenciária, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Marinha, Exército, Guarda Municipal, TRE e Ministério Público.

15112020 – Governador em exercício, Cláudio Castro, nas eleições municipais 2020, Fotos de Rogério Santana
15112020 – Governador em exercício, Cláudio Castro, nas eleições municipais 2020, Fotos de Rogério Santana

 

Fotos: Rogério Santana.