Moradores de Seropédica já estão cansados de todo dia faltar água devido a fragilidade que as adutoras que cortam o município estão. Elas foram instaladas em meados de 1939, e com o passar do tempo criou desgaste interno de tanta fricção de passagem de agua e areia que vem de Ribeirão das Lajes.

O medo maior é se a Adutora estourar no Centro de Seropédica onde existe na sua frente os Bancos do Bradesco e Caixa Econômica Federal, e vários comércios.

Alertamos novamente a CEDAE que realize manutenção preventiva e verifique internamente o desgaste desta tubulação, para evitar uma catástrofe anunciada, como aconteceu no Mendanha.

A previsão do retorno de água será nesta quinta-feira por volta das 4 horas da madrugada, salvo se não estourar nova tubulação.