Ponto mais próximo da terra irá ocorrer no dia 17, mas astro já poderá ser observado a partir de sábado (9), segundo cientistas

2cjmj14b438kbijbado52go7t
Cometa Catalina poderá ser visto da Terra já a partir deste sábado (9)

O cometa Catalina poderá ser observado da Terra sem a ajuda de equipamentos científicos já nos próximos dias. Essa será a última chance de ver o astro, já que após cruzar com a Terra ele abandonará o Sistema Solar e passará o resto de seus dias viajando pelo espaço.

O Catalina foi descoberto em 2013 e alcançou o ponto mais próximo do Sol no dia 15 de novembro, a 123 milhões de quilômetros de distância. Os cientistas estimam que o dia de maior proximidade do cometa com a Terra será em 17 de janeiro, quando o Catalina estará a 108 milhões de quilômetros de nós.

Apesar disso, o cometa já poderá ser visto nos próximos dias 9, 10 e 11, de acordo com os cientistas, conforme noticiou o jornal peruano “RPP”. De acordo com a reportagem, o observador poderá se certificar se realmente está vendo o astro por meio da coloração: O Catalina possui o núcleo esverdeado, portanto deve aparecer em tons de verde para nós.