32.1 C
Seropédica
terça-feira, 31 jan 2023
Seropédica Online: Notícias de Seropédica, do Brasil e do Mundo
Início Eventos Eventos Religiosos Veja programação Corpus Christi na Paroquia Nossa Senhora das Graças de Seropédica

Veja programação Corpus Christi na Paroquia Nossa Senhora das Graças de Seropédica

0
183

O Padre Paulo Sergio da Paroquia Nossa Senhora das Graças informa que na próxima quinta-feira 16 de junho a Santa Missa de Corpus Christi será celebrada as 9:30 horas na Comunidade do Morro do Cruzeiro.

A Procissão que sempre foi realizada com saída do Casarão, este ano não será realizada devido a pandemia. O Padre Paulo Sergio informa ainda que a Procissão será realizada internamente dentro da área da igreja.

Este ano em vez da Confecção do Tapete o Padre Paulo Sergio pede aos fiéis a doação de 1 kg de alimento não perecível para doar aos mais necessitados 

O que é Corpus Christi? Caminhos para celebrar essa data abençoada

O dia de Corpus Christi é uma oportunidade para os cristãos celebrarem um dos sacramentos que fundamentam a Religião Católica: a Eucaristia. A expressão Corpus Christi vem do idioma antigo Latim e quer dizer “corpo de Cristo”.  Muito mais do que a ocasião das famosas procissões pelos “tapetes”, a data é um convite à  reflexão sobre a obra que Jesus Cristo nos deixou.

“É pelo dom da fé que acreditamos no Senhor ressuscitado, vencedor da morte e do pecado. E que acolhemos sua contínua presença entre nós, sobretudo quando estamos unidos em seu nome. É pelo dom da fé que celebramos a Eucaristia, cumprindo o mandato do Senhor: ‘Fazei isto em memória de mim’, e que acreditamos  na sua presença real na hóstia consagrada, o Corpus Christi.” 

Em seguida, confira um apanhado histórico de como surgiu essa comemoração santa e algumas dicas de como é possível celebrar a comunhão – mesmo que sem sair de casa.

O que é Corpus Christi e como surgiu a data?

A data para se celebrar o corpo e o sangue de Jesus Cristo materializados na eucaristia surgiu no ano de 1264. Na ocasião, o papa Urbano IV instituiu a celebração do Corpus Christi após dois episódios. O primeiro deles foi com Santa Juliana. Ela teve visões nas quais Jesus pedia que o ministério da eucaristia fosse celebrado com destaque.

Outro fator que levou à criação do Corpus Christi foi a ocorrência do chamado “Milagre de Bolsena”. 

Segundo informações publicadas na coletânea “Edizioni San Clemente”, da editora italiana Unilibro, o milagre ocorreu quando um sacerdote celebrava a Santa Missa em Bolsena, na cripta Santa Cristina, na Itália. Ao partir a Santa Hóstia, viu verter sangue dela . Logo que soube do ocorrido, o papa Urbano IV mandou reunir os objetos usados na celebração. Os mesmos estão guardados até hoje (sete séculos depois) na Basílica de Santa Cristina.

Corpus Christi para Marcelino Champagnat

A celebração de Corpus Christi tem atravessado gerações e mantido sua grande importância. A própria biografia de Marcelino Champagnat resgata que o amor de Cristo movia seu modo de ser e de agir. Quando o fundador Marista se colocava em frente ao Santíssimo Sacramento, ele relatava que:

“tão viva era sua fé na presença real, que se diria estar vendo o Senhor face a face nesse inefável mistério” (Vida, p. 304).

Igualmente, Marcelino Champagnat recomendava aos Irmãos que no altar o posicionamento da Eucaristia devia ser um dos “primeiros lugares”. Ele dizia que:

‘é para nós que o divino Salvador permanece dia e noite em nossos altares” (…) para que possamos recorrer a Ele em todas as nossas necessidades’ (Vida, p. 305).

A tradição dos tapetes de Corpus Christi

Um dos símbolos mais famosos de Corpus Christi são as procissões que passam por tapetes coloridos com desenhos religiosos. Imagens de Jesus, do cálice de vinho, a Santa Hóstia e muitas outras inspirações em temas relacionados são moldados com as mais diferentes técnicas. São usados elementos como serragem, borra de café e grãos.

A tradição começou em Portugal, ainda no séculos XIII, e foi trazida pelos colonizadores para o Brasil. Assim, espalhou-se por todo o território nacional. A ideia dos tapetes surgiu porque os fiéis acreditavam que Jesus estaria andando pelas ruas da cidade. Assim, Cristo mereceria uma recepção grandiosa, com tapetes espalhados por passaria.

Como celebrar o Corpus Christi em tempos de pandemia

Em 2021, o mundo ainda vive em suspense em relação à situação da pandemia do novo coronavírus. No Brasil, as celebrações com aglomerações estão com restrições, dependendo de cada estado e/ou município. Nem por isso, devemos deixar que uma das datas mais importantes do ano passem em branco. É possível fazermos nossas reflexões e orações das nossas próprias casas, como nos exemplos a seguir:

1) Procure roteiros de oração

A Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) tem um guia da celebração do Santíssimo Sacramento do Corpo e do Sangue de Cristo. Nele é possível conferir orientações de como fazer a oração com os membros da família e aproveitar para celebrar o corpo e o sangue de Jesus. Então, primeiramente, indicamos a leitura desse material. Ele acessado aqui. 

2) Aproveite para partilhar o pão

O simbolismo da Eucaristia está vinculado com a última ceia, na qual Jesus Cristo entregou seu corpo e seu sangue aos seus irmãos. Inclusive, o Corpus Christi celebra-se exatamente 60 dias depois da Páscoa. Então, em segundo lugar, que tal fazer uma partilha de alimentos, do pão de cada dia, com pessoas que estão precisando? Há várias possibilidades, como levar alimentos a uma paróquia ou mesmo a uma família vizinha necessitada. Se quiser, você pode doar também para campanhas, como o SOS Vila Torres, organizada pela Província Marista. Veja como doar aqui. 

3) Guias de oração individual

Uma forma de se conectar com Deus e refletir sobre a Eucaristia é olhar para dentro de si por meio da prática da oração individual. Nesse sentido, aqui no blog temos alguns posts que ajudam nessa missão, como o que fala sobre versículos bíblicos ou o que ensina como rezar o terço

4) Grupos de oração e celebrações virtuais

As paróquias de todo o Brasil se adequaram aos novos tempos de pandemia e muitas delas começaram a transmitir suas missas e celebrações de forma virtual. Além disso, é possível aproveitar dessas tecnologias para interagir dentro da fé com amigos e conhecidos pela internet, como já tratamos neste texto

Esperamos que com essas dicas você possa fazer do Corpus Christi de 2021 um período de reflexão e de oração, para que juntos celebremos a Eucaristia, que simboliza o corpo e o sangue de Jesus Cristo, nosso salvador.

Fonte: Marista