Campeões desfilam em caminhão do Corpo dos Bombeiros após título da Taça das Favelas Rio 2022

0
76

A Taça das Favelas Rio 2022 chegou ao fim, neste sábado, dia 8 de outubro, consagrando Sapo de Camará, no feminino, e Complexo do Muquiço, no masculino, como as grandes campeãs da edição de 10 anos do maior campeonato de futebol entre favelas do mundo.

As jogadoras do Sapo de Camará e os atletas do Complexo do Muquiço voltaram para suas favelas, em desfile no carro aberto do Corpo de Bombeiros, fazendo uma grande festa quando chegaram nos seus territórios, celebrando o Gol Pra Toda Vida que fizeram na tarde, em Moça Bonita.

Taça das Favelas RJ 2022 - desfile no caminhão dos Bombeiros
 
Taça das Favelas RJ 2022 – desfile no caminhão dos Bombeiros
 

Meninas do Sapo do Camará também desfilaram em carro aberto (Foto: Jonathas Fabrício/ Taça das Favelas)

No primeiro jogo da tarde, o público que foi à Moça Bonita, Estádio do Bangu, ou acompanhou pela tela da Globo, que transmitiu ao vivo os dois jogos, viu o Sapo de Camará superar o favoritismo do Complexo da Coreia e levar o Troféu Marilza Pereira Athayde, com a vitória de 1 a 0, gol de Suelly, a Miudinha, ainda no primeiro tempo, garantindo o placar de 1 a 0 e o título do torneio organizado pela Central Única das Favelas (CUFA) e produzido pela InFavela, para o Sapo.

– Meu forte é o chute de fora da área, e acabei acertando agora na final. Eu só tenho agradecer a Mara, minha treinadora, por me dar a oportunidade de mostrar quem eu sou, e vou continuar mostrando quem eu sou, durante a minha trajetória”, celebrou Suelly Miudinha, autora do gol do título do Sapo de Camará.

Na final masculina Taça das Favelas 2022, Muquiço e CRB Dick fizeram um jogo equilibrado. Mas, em um escanteio, na metade do segundo tempo, a bola sobrou para Juan Diego que botou a bola no canto do goleiro, garantindo o Troféu Ari Pipa para a favela da Zona Oeste, com a vitória também de 1 a 0.

– Não vou nem conseguir dormir. Não tinha feito gol ainda nessa Taça das Favelas, e tive a felicidade de fazer logo na final! Estou muito feliz com tudo que aconteceu, e quero dedicar esse gol e esse título à minha avó que sempre cuidou de mim – falou Juan Diego, autor do gol do título do Complexo do Muquiço.

– Foi uma festa linda, e encerramos com chave de ouro! Moça Bonita estava muito linda com essa grande integração que promovemos entre as favelas do Rio – comemorou Elaine Caccavo, diretora de produção da CUFA.

Para quem pensa que a Taça acabou, essa semana ainda reserva peneiras que vão definir os jogadores e jogadoras que vão representar a Seleção do Rio de Janeiro na Taça das Favelas Brasil, o Favelão 2022, em novembro, em São Paulo.

A Taça das Favelas Rio 2022 contou com patrocínio master da Uber, da Friboi e da Vai Voando, patrocínio da Gol, Ambev, Bet Nacional, Comunidade Door, Digital Favela e Alo Social, incentivo ao esporte da Secretaria de Esporte e Lazer do estado do Rio de Janeiro e promoção da Rede Globo, do Sportv e da FM O Dia.

Fonte: Esportes Yahoo