RS: Governo decreta estado de calamidade pública em 79 municípios afetados pela chuva

0
12

Após a publicação, o decreto tem validade de 180 dias. Chuvas intensas provocaram enchentes em 83 municípios do Rio Grande do Sul

Chuvas intensas causaram enchentes e afetaram 83 municípios do Rio Grande do Sul, de acordo com boletim divulgado na manhã desta sexta-feira (8). Por isso, foi publicado em edição extra do Diário Oficial do Estado, o decreto que declara estado de calamidade pública em 79 cidades gaúchas atingidas pelos eventos climáticos. Segundo o governo do estado, os critérios para a decretação foram a ocorrência de alagamentos, granizo, inundações, chuvas volumosas, enxurradas e vendavais de intensidades elevadas. Após a publicação, o decreto tem validade de 180 dias.

No Rio Grande do Sul, a Defesa Civil registrou até a manhã desta sexta-feira (8), 41 mortes em onze municípios do Rio Grande do Sul. De acordo com o boletim, 25 pessoas estão desaparecidas, oito em Arroio do Meio; oito em Lajeado e nove em Muçum. No total, 3.046 pessoas estão desabrigadas e 7.781 desalojadas.

A tabela completa com o boletim está disponível no site oficial do governo do Rio Grande do Sul.

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, afirma que a prioridade no momento é proteger vidas e cuidar das vítimas afetadas pelas chuvas e enchentes, até que a situação esteja estabilizada.  “O foco é resgatar as pessoas. Há muitas famílias ainda sobre os telhados de casas, depois [da chuva] ter atingido o Vale do Taquari, Muçum, Roca Sales, Encantado, Lajeado, que especialmente foram atingidos, e onde a gente teve um volume de mortes já confirmadas, que é a maior já registrada num evento climático para o estado”, informa.

De acordo com o governador, os municípios contam com apoio de aeronaves, botes e barcos para resgatar as pessoas. Ele ainda explica que devido ao clima, o solo está encharcado e os rios estão cheios, por isso, qualquer chuva pode gerar um novo comprometimento. “As nossas equipes estão mobilizadas para fazer o atendimento e os alertas, especialmente para essas comunidades, que as podem achar que voltar para suas casas eventualmente seja seguro, porque já passou o pior, mas tem que ficar atento, porque os rios podem voltar a subir rapidamente se confirmarem previsões de chuvas”, completa.

A previsão do tempo para esta sábado (9) é de muitas nuvens, com possibilidade de pancadas de chuva isoladas e  trovoadas no Rio Grande do Sul, exceto no sudoeste do estado, onde ficam os municípios de Campanha Ocidental, Campanha Central e Campanha Meridional. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Veja os municípios em estado de calamidade:

  • Caxias do Sul
  • Coqueiros do Sul
  • Cachoeira do Sul
  • Palmeiras das Missões
  • Boa Vista das Missões
  • Passo Fundo
  • Sarandi
  • Getulio Vargas
  • Lajeado do Bugre
  • Santo Expedito do Sul
  • Mato Castelhano
  • Erechim
  • Santa Maria
  • Ibiraiaras
  • Nova Bassano
  • São Jorge
  • Bento Gonçalves
  • Protásio Alves
  • Marau
  • Casca
  • Estação
  • André da Rocha
  • Vacaria
  • Cruz Alta
  • Chapada
  • Montauri
  • Santo Antônio do Palma
  • Água Santa
  • Nova Araçá
  • Campestre da Serra
  • Carlos Barbosa
  • Camargo
  • Panambi
  • São Domingos do Sul
  • Sagrada Família
  • Paraí
  • Jacuizinho
  • Lagoão
  • Santo Ângelo
  • Boa Vista do Buricá
  • Sede Nova
  • Eugênio de Castro
  • Santo Cristo
  • Farroupilha
  • São Sebastião do Caí
  • Jaguarí
  • Ciríaco
  • Sertão
  • Muliterno
  • Candelária
  • Lajeado
  • David Canabarro
  • Estrela
  • Arroio do Meio
  • Montenegro
  • Novo Hamburgo
  • Encantado
  • Muçum
  • Roca Sales
  • Colinas
  • Imigrantes
  • Santa Tereza
  • Sapiranga
  • Cachoeirinha
  • Vanini
  • Nova Roma do Sul
  • Serafina Corrêa
  • Bom Retiro do Sul
  • Cotiporã
  • São Nicolau
  • Cruzeiro do Sul
  • Bom Jesus
  • Ipê
  • Espumoso
  • Charqueadas
  • Coxilha
  • Taquari
  • Itapuca
  • São Jerônimo

Rodovias com bloqueios

Segundo informações do Comando Rodoviário da Brigada Militar, há dez trechos com bloqueios totais ou parciais em seis rodovias. Além disso, duas pontes foram destruídas pelas chuvas; uma na ERS-448, entre Farroupilha e Nova Roma do Sul; e a outra na ERS-431, em Bento Gonçalves, no limite com São Valentim do Sul.

Bloqueios totais:

  • ERS-431: Ponte sobre o rio Taquari, em Bento Gonçalves, no limite com São Valentim do Sul
  • ERS-448: Entre Farroupilha e Nova Roma do Sul, Rota alternativa: ERS-122, entrando em Antônio Prado e utilizando, em seguida, a ERS-437
  • ERS-130: Entre General Câmara e Mariante; Venâncio Aires e Cruzeiro do Sul (km 40)
  • VRS-851: Ponte do rio Carneiro

Bloqueios parciais:

  • ERS-110: Entre Jaquirana e Bom Jesus (entre o km 78 e o km 79)
  • ERS-324: Em Nova Bassano (km 285)

Fonte: Brasil 61