A medida, que vigora até à 0h do dia 17 de fevereiro de 2019, visa a economia de energia elétrica

A partir da 0h do próximo domingo (4) começa o Horário de Verão em dez estados brasileiros e no Distrito Federal, situados nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Moradores e turistas em visita a estas regiões devem adiantar os relógios em uma hora. A medida, que visa a economia de energia elétrica, vigora até a madrugada do dia 16 de fevereiro de 2019.

Horário de embarque

Viajantes com embarque em terminais rodoviários e aeroportos de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e do Distrito Federal devem ficar atentos ao relógio para não perder o voo. Estas são as Unidades da Federação às quais a alteração se aplica.

Para facilitar a compreensão dos viajantes, as empresas aéreas emitem as passagens em horário local, já considerando o horário de verão nos estados participantes. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que os passageiros com voos marcados a partir da zero hora deste domingo (4) devem ficar atentos com o horário dos bilhetes emitidos pelas companhias aéreas, que já consideram o horário de verão. A Agência informa que turistas em dúvida devem procurar as companhias aéreas.

Turismo

Para o Ministério do Turismo, os meses afetados pelo horário de verão são importantes para o setor e estão entre os que mais geram empregos na economia turística. Alguns destinos também aproveitam para incrementar a programação da cidade e lançar atrações de verão.

Bares, restaurantes, espaços de lazer, esporte e entretenimento ganham vida nova com uma hora a mais de luz do dia. Nesse período, turistas devem ter atenção redobrada na observação de horários de passeios, traslados e outros serviços turísticos com hora marcada.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério do Turismo e da Anac

 

Faça o seu comentário