No primeiro dia, 1,9 milhão de trabalhadores foram beneficiados.

Os trabalhadores com data de nascimento de janeiro e fevereiro, cujo saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começou no ultimo dia 10, já encontram seu saldo zerado ao consultar os dados através do site ou do aplicativo da Caixa Econômica Federal (CEF). De acordo com o diretor executivo do FGTS da Caixa, Valter Nunes, a falha ocorre porque os canais do banco utilizam informações da base de dados do Fundo de Garantia, mas por “questões operacionais” a instituição financeira já liberou o dinheiro para o saque do trabalhador.

Segundo ele, apesar de o saldo constar como zerado, o trabalhador que tiver a conta inativa não será prejudicado e poderá efetuar o saque normalmente. Valter Nunes orienta o trabalhador a buscar uma agência em caso de dúvidas.

No primeiro dia de pagamento das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), 1,9 milhão de trabalhadores já foram beneficiados, segundo a Caixa Econômica Federal. As agências do banco também abriram neste sábado (11) em todo o país para os trabalhadores sacarem ou transferirem o FGTS das contas inativas. Veja no vídeo como está o movimento em algumas cidades brasileiras.

Quem vai sacar até R$ 1.500 precisa ter a senha do cartão cidadão. Até R$ 3 mil, tem que levar o cartão cidadão, a senha e um documento de identidade. Mais de R$ 3 mil, só sai com o dinheiro apresentando identidade, documentos do Fundo de Garantia e carteira de trabalho. Quem não tem conta na Caixa pode sacar o dinheiro ou transferir para outro banco, sem custo.

Inicio de pagamento            data de nascimento

10 de Março Janeiro e Fevereiro
10 de Abril Março, Abril e Maio
12 de Maio Junho, Julho e Agosto
16 de Junho Setembro, Outubro e Novembro
14 de Julho Dezembro

Faça o seu comentário