Na manhã desta quarta-feira (03), um avião da Casa Militar do Governador da Bahia, que fazia a locomoção de doses da vacina contra o novo coronavírus para a cidade de Ibotirama, na região oeste do estado baiano, se chocou com um jumento que se encontrava na pista do aeródromo local.
 
O avião carregava quatro caixas com vacinas, que não sofreram danos. Segundo a Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), não ocorreram problemas com o piloto e nem com as doses dos imunizantes.
 
A aeronave sofreu algumas danificações e outro avião foi designado para dar seguimento ao transporte das doses da vacina contra a covid-19.
 

De acordo com a Sebab, o incidente não causou nenhum tipo de atraso no plano de distribuição. Porém, devido a logística, as cidades de Barreiras, Santa Maria da Vitória e Guanambi, da região oeste do estado, deverão receber suas doses com atraso. 

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o acidente aconteceu somente depois que a aeronave já estava pousada na pista. A Polícia Militar foi acionada e quando chegou ao local, verificou que o animal se encontrava ferido, mas fugiu. Não se sabe sobre os ferimentos do animal.