A Subsecretaria de Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses do Rio interditou, nesta quinta-feira, dia 24, um ponto clandestino na Rua Letícia, em Guaratiba, Zona Oeste da cidade, que comercializava animais ilegalmente. Além da ausência de licenças e outros documentos, técnicos da Coordenação de Zoonoses encontraram 150 animais – a maioria de aves – em um ambiente sem a mínima condição de higiene, com restrição à movimentação específica das espécies e situação de maus-tratos.

A operação resultou na aplicação de três infrações (falta de higiene, falta de licenciamento e maus-tratos) ao dono, enquadrado na lei municipal 6.435/2018 e passível das sanções previstas no novo Código dos Animais, regulamentado em agosto deste ano. Ao todo, havia 48 galinhas, 35 porquinhos da Índia, 23 codornas, 21 pombos, 8 coelhos, 5 gatos, 4 galinha d´angola, 4 periquitos, 1 cágado e 1 cão. Todos os animais foram tutelados pela ONG Centro de Reabilitação Pata Amiga, presente à ação que contou com o apoio da Guarda Municipal do Rio e da Polícia Militar.

Fonte: Diário do Rio

Faça o seu comentário