Passageiro e criminoso foram atingidos. Um dos criminosos tentou se passar por um passageiro para não ser preso.

Uma tentativa de assalto dentro de um ônibus, na Baixada Fluminense, terminou com duas pessoas mortas – uma delas, um passageiro do coletivo – e um criminoso preso na noite desta quinta-feira (11).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), pelo menos dois homens anunciaram o assalto ao ônibus da linha 452B, que faz o trajeto Central-Vila Camorim, que passava pela Rodovia Presidente Dutra, na altura de São João de Meriti.

Os criminosos anunciaram o crime na altura do Jardim América. Um caminhoneiro, que passou ao lado do ônibus, percebeu o crime e chamou a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os policiais e os criminosos trocaram tiros.

Um dos bandidos foi atingido e morreu. Um passageiro, identificado como Wanderson da Cruz, de 44 anos, foi atingido por um tiro no ombro e outro no peito e também morreu.

Após as mortes, o segundo assaltante tentou enganar os policiais fingindo ser um dos passageiros. Ele chegou a pegar uma marmita de outra pessoa. Mas os próprios passageiros o denunciaram para que ele fosse preso.

“Ele tirou a camisa quando a polícia falou: vem para fora que eu sei que tem mais um aí dentro, eu sei que você está aí dentro. Quando ele chegou perto, ele falou ‘não, não, sou trabalhador’. E o restante dos passageiros que falaram: ‘não, é ele que estava assaltando o carro’. Foi quando a polícia chegou e o levou”, disse um dos passageiros, que preferiu não se identificar.

Fonte: G1