Por volta das 7:00 horas desta terça-feira (13) um motociclista sem identificação perdeu a vida caindo da motocicleta embaixo de veículo sem identificação que vinha em sentido contrário na Estrada Rio São Paulo em Frente ao Horto Florestal. 

A divisória da pista é feita por Tachões muito altos, e pela posição da moto presume-se que o motociclista tentou desviar de algum obstáculo colidindo nos tachões, caindo da moto e sendo atropelado. A noite se torna muito perigoso devido à falta de iluminação em alguns lugares da BR 465.

Há muito tempo viemos alertando ao DNIT que estas divisórias são perigosas tanto para motociclistas como para outros veículos que circulam pela via. Acreditamos que estes tipos de tachões não são feitos para dividir pista, onde veículos possam andar acima de 40 km p/h.  Se houver algum obstáculo na pista, o veículo é obrigado a colidir nos tachões rasgando os pneus ou dando danos aos veículos.

O SAMU foi chamado ao local, mas infelizmente foi constatado óbito, duas Ambulâncias estiveram no local: Técnico Enfermagem, Adilson Junior, Condutor Marcos Timóteo e o Técnico de Enfermagem Robson Toledo e o condutor Alexandre Meneses.

VEJAM A ALTURA DOS TACHÕES