Desde 1929, o Dia do Padre é celebrado oficialmente em 4 de agosto. Portanto, essa é a 90ª comemoração da data, sendo originária da Festa de São João Maria Vianney, uma vez que Papa Pio XI o proclamou “homem extraordinário e todo apostólico, padroeiro celeste de todos os párocos de Roma e do mundo católico”.

Também conhecido como Cura D’Ars, São João Maria Vianney foi um exemplo de santidade, dedicação e perseverança na construção do caminho da salvação. É uma inspiração para muitos sacerdotes. E os sacerdotes também inspiram muitas pessoas no caminho da evangelização e de uma sociedade com mais amor e solidariedade.

O padre é um dos membros do clero da Igreja Católica, um sacerdote consagrado por um bispo cuja missão é evangelizar, celebrar a Eucaristia (missa), ouvir confissões, ministrar o batismo, o sacramento da cura, abençoar os fiéis, etc.

Historicamente, a figura do padre é de grande importância, pois era uma pessoa de muita influência junto à comunidade. A função do Padre é ouvir, reunir e orientar as famílias, atender os doentes, administrar os sacramentos, transmitir a Palavra (para maior glória de Deus e formação do homem cristão).

Um sacerdote deve estudar muitos anos até receber a ordenação. Os padres católicos podem pertencer a uma ordem religiosa, como os Franciscanos, Vicentinos, Jesuítas, entre outras. Essas possuem um “carisma” próprio, seja ele educacional ou de cuidado aos doentes, e vivem sob a supervisão de um superior.

Já os padres diocesanos estão ligados diretamente ao bispo de sua diocese e tem como missão cuidar dos seus paroquianos.

Na Igreja Católica, a figura do padre é considerada semelhante a de um “pai” (padre), que intercede por seus “filhos” (fiéis) em nome de Deus e Jesus Cristo.

Em Seropédica existe três Paroquias, a Paroquia Nossa Senhora das Graças, Padre Paulo Sergio, a Paroquia Maria Mãe da Igreja, Padre Jefferson e Paroquia Santa Teresinha, Padre Fabio de Melo. Parabéns a todos os Padres pela passagem de seu dia.