Prefeitura de Seropédica incentiva o senso crítico através da produção de filmes

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (SMECE) de Seropédica possui um projeto audiovisual chamado de ‘Seropédica In Cena’, a iniciativa consiste em incentivar os alunos da Rede Municipal de Educação a exporem suas opiniões a respeito de questões referentes ao município, sempre se utilizando de filmes curtas-metragens. Um dos objetivos do projeto é aprimorar a capacidade de comunicação dos alunos e incentivar a produção de textos.

Nesta sexta-feira (18) a secretária Lúcia Baroni, as subsecretárias Eliana Cristina (Ensino), Nádia Alvarez (Cultura) e Suelen Soares(Esporte), o subsecretário André José(Planejamento e Orçamento) e a coordenadora Luisa Baroni, participaram da solenidade de premiação do projeto, o ‘Oscar Seropédica In Cena’, que aconteceu no Centro Cultural de Seropédica (CCS). Após a eleição dos melhores vídeos, os alunos idealizadores de cada filme foram premiados.

“O ‘Seropédica In Cena’ é um projeto que surgiu em 2013 buscando dar voz e vez aos nossos Estudantes para que através do Cinema eles pudessem demonstrar suas emoções, críticas, sentimentos e visão de mundo, a iniciativa também auxilia os professores a direcioná-los a caminhos mais adequados através de um entendimento sobre seus pensamentos, que são expressos nos roteiros. Queremos que eles caminhem com passos mais firmes em prol de uma cidadania melhor”, ressaltou a secretária de Educação, Cultura e Esporte, Lúcia Baroni.

O prefeito Alcir Martinazzo falou a respeito do projeto: “Além da oportunidade de tornarem seus pensamentos públicos, instigando debates construtivos sobre melhorias que podemos fazer no município, os jovens que participaram do projeto também aprenderam um pouco mais sobre Cinema, que é uma forma de Arte bastante utilizada para expressar ideologias, opiniões e sentimentos. Estamos instigando nossa juventude a pensar e dialogar, sempre propondo ideias inovadoras, baseadas na vivência de cada um. Além da festa de premiação, que compareceu ao CCS também pôde assistir a uma Exposição de Arte, tudo de forma gratuita. No mesmo evento conseguimos unir o Ensino e a Arte, ou seja, a Educação e a Cultura”, destacou Martinazzo.

De acordo com a coordenadora do ‘Seropédica In Cena’, Luisa Baroni, os alunos que participam do projeto recebem noções de produção audiovisual que incluem questões como a criação de um roteiro e direção de arte, entre outras coisas, ela também destaca que os vídeos podem ser gravados com celulares, inserindo ao contexto escolar um aparelho tão comum no dia a dia dos alunos, e que muitas vezes atua como um prejudicador em relação ao rendimento escolar, o telefone celular.

Esse projeto permite que nossos alunos agucem o senso crítico, eles podem fazer vídeos sobre coisas que os incomodam ou lhes dão prazer. No total, 6 escolas estão envolvidas no ‘Seropédica In Cena’, que contempla alunos do 6º ao 9º ano, que chamamos de 2º segmento”, lembrou o subsecretária Eliana Cristina.

dsc_0031lucia

Faça o seu comentário