Prefeito Alan Bombeiro de Mangaratiba entrará na justiça contra pedágios na Rio-Santos

0
0

O Prefeito de Mangaratiba, Alan Bombeiro, participou de uma reunião com a CCR RioSP, concessionária responsável pela administração da BR 101 (Rodovia Rio Santos), a fim de cobrar esclarecimentos sobre os processo de duplicação da via, bem como, reivindicar os direitos para os moradores da cidade.

Um dos pontos mais importantes discutidos na reunião foi a instalação dos pedágios nos KMs 414 (na divisa com Itaguaí) e 447 (Conceição de Jacareí). Segundo o prefeito, a instalação de dois pontos de pedágio tão próximos, além de absurda, vai prejudicar o ir e vir dos moradores. Ele afirmou que vai acionar a justiça.

“É inadmissível sermos a única cidade, de toda a concessão, a ter dois pedágios. Além disso, das três cidades da Costa Verde, somos a menor em território. Estou disposto, dentro de todas as possibilidades legais e jurídicas, a agir para impedir isso. Não é aceitável que o morador de Conceição de Jacareí, por exemplo, tenha que pagar dois pedágios para ir a cidade vizinha e mais dois para voltar para casa”, disse.

Alan Bombeiro ainda lembrou que quando a duplicação da Rio Santos foi oficializada, nem projeto de pedágio para Mangaratiba havia. “Sempre fui a favor da duplicação, pois, entendemos que é um progresso. Mas, isso não pode acontecer de forma a prejudicar quem mora da região”.

Também foram abordados na reunião a questão do acesso à cidade, desocupação de imóveis e alocação das cocadeiras de Muriqui.

Foto: Jornal Atual