Mais um acidente de Motocicleta deixa um homem ferido em Seropédica

0
1148

Na tarde de sábado (14), aconteceu mais um acidente de motocicleta, desta vez foi na Estrada Rio São Paulo (BR 465) no km 41, em frente ao Berg’s Supermercado.

Segundo relatos a motocicleta conduzida por Rodrigo atingiu o Corolla de Jorge no acostamento. Populares chamaram a SAMU e o Corpo de Bombeiros para fazer os primeiros socorros.

No impacto Rodrigo quebrou a perna e teve várias luxações pelo corpo precisando ser encaminhado ao Hospital Rocha Faria em Campo Grande pelos Bombeiros. Já o motorista do Corolla foi atendido pelo SAMU e não teve ferimentos, só susto.

São muitos os fatores que podem explicar o rápido crescimento de acidentes e das mortes de motociclistas, mas todos os estudos recentes apontam que as causas principais são procedimentos de risco dos próprios condutores, como andar no chamado corredor das vias, e no acostamento.

Se o risco de morrer em uma colisão de automóvel já é significativo, a depender das circunstâncias do acidente, sobre uma motocicleta essas chances são 20 vezes maiores. Esse número sobe para 60 vezes se a pessoa não estiver usando o capacete, item obrigatório pela legislação.

“Acho que não existem acidentes de moto, existem acidentes de trânsito em que as motos estão envolvidas. E as motos se envolvem mais porque vemos mais vítimas. Quando dois carros batem, apenas amassa o para-choque, já na moto o para-choque do motociclista é ele mesmo”. Disse o Coordenador do SAMU de Seropédica, Marcio dos Santos.

Cada vez mais, os serviços de resgate do SAMU e dos Bombeiros nas ruas, os atendimentos de emergência dos hospitais vêm sendo dominados pelas vítimas de acidentes de motocicletas.

Participaram do Socorro a Equipe do SAMU: Condutor Socorrista, Marcos Timóteo Técnico de Enfermagem Alexsandro – Condutor Socorrista Rubens Técnico de Enfermagem Diogo.