Outras 48 mil pessoas se feriram nas estradas. Apesar dos números altos, o estudo da CNT aponta redução nos índices. No total, houve um custo de R$ 9,7 bilhões aos cofres públicos com os acidentes.

Fonte: CBN