Cerca de 100 pessoas são mortas no templo Puttingal, em Paravur, no estado de Kerala, ao sul do país

O incêndio que avassalou o templo hindu Puttingal no estado de Kerala, ao sul da Índia, deixa um saldo de, pelo menos 100 mortes e 540 feridos. O fogo começou na madrugada de domingo, por volta das 3h30 no horário local (19h30, de sábado, no horário de Brasília), após uma explosão em loja de fogos de artifícios.

A população local estava preparada para comemorar o ano novo hindu, que seria celebrado na quinta-feira de Vishu, no festival de Kerala.Templo indiano após incêndio em Kollam

Templo indiano após incêndio em Kollam

O impacto da explosão foi sentida em casas num perímetro de 1km. Segundo relatórios de autoridades locais, o templo Puttingal não teria permissão da polícia para queimar fogos.

O ministro do Interior de Kerala, Ramesh Chennithala, ordenou uma investigação sobre o acidente. “O templo possui uma queima de fogos anual. Estamos fazendo o nosso melhor para resgatar aqueles que ainda estão presos”, disse Chennithala. “Agora a situação está sob controle … a polícia está no local.”

*Com informações da BBC

Imagens mostram proporção do incêndio que fez ao menos 100 mortos e 540 feridos, segundo a polícia local .2016-901914144-201604100823101082_AFP.jpg_20160410 1610128.jpeg incendio-india