A Secretaria de Saúde e Defesa Civil de Seropédica ira iniciar a vacinação contra Gripe a partir do dia 25 de abril Segunda-feira. Na primeira etapa serão vacinados  gestantes, crianças de 6 meses até 5 anos e pacientes renais crônicos. A segunda etapa dará inicio dia 30 de abril onde sera vacinado idosos a partir do 60 anos e pessoas de necessidades especiais.

No dia 25 a vacinação sera feita no Pré-Hospitalar Dr. José Bueno Lopes no Km 49, e na Clinica da Família no Bairro Campo Lindo no Vasquinho. A segunda etapa sera feita no dia 30 em todas as ESF das 9;00 horas até as 16 horas.

A vacina previne contra três subtipos do influenza: H1N1, H3N2 e B. O secretário de Saúde, Dr. Cesar Mateus Cilento, destaca que a vacina é apenas uma das ferramentas contra a gripe: “Estamos efetuando a campanha antes da data prevista a nivel nacional, queremos evitar um surto como esta acontecendo em outros estados. A vacina leva de duas a três semanas para atingir o pico de imunização e é efetiva em 60% dos casos” destaca o Secretário.

Dr. Cesar também reforça que é fundamental que a população procure o médico assim que iniciarem os sintomas da gripe.  Além disso, os cuidados ao tossir, lavar as mãos com frequência e arejar os ambientes são fatores importantes na prevenção. A vacina leva de 15 a 20 dias para ajudar o organismo a desenvolver a imunidade. Só depois desse prazo que a pessoa ficará protegida.

O Prefeito Martinazzo fala da importância da vacinação antecipada: “A gripe já é epidemia em alguns estados, onde infelizmente já matou muitas pessoas, portando é primordial a prevenção. Também é importante lembrar que mesmo as pessoas vacinadas devem procurar imediatamente o médico ao apresentarem os sintomas da gripe, especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações da doença. A medida tem como objetivo possibilitar ao médico avaliar a necessidade de prescrever os antivirais específicos para a gripe, disponíveis de forma gratuita nas unidades da rede pública”.

Como a pessoa deve fazer para se prevenir?

São duas medidas bem básicas: lavar as mãos várias vezes ao dia e a etiqueta da tosse que é usar um lenço para cobrir a boca ou usar o antebraço no momento do espirro ou tosse para evitar que passe para outras pessoas.

GRUPOS PRIORITÁRIOS PARA A VACINAÇÃO

Crianças de seis meses a menores de cinco anos: As crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade que serão vacinadas pela primeira vez devem receber duas doses, sendo que a segunda deve ser agendada para 30 dias após a 1ª dose.

Gestantes: todas as gestantes em qualquer idade gestacional.

Puérperas: todas as mulheres no período até 45 dias após o parto estão incluídas no grupo alvo de vacinação. Para isso, deverão apresentar documento que comprove a gestação (certidão de nascimento, cartão da gestante, documento do hospital onde ocorreu o parto, entre outros)

Indivíduos com 60 anos ou mais de idade 

Profissionais da saúde

Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independe da idade: quem tenha doença respiratória, cardíaca, renal, neurológica, diabetes, obesos, e transplantados entre outros. Precisa de prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina ou receituário de medicação de medicação de uso contínuo específica que deverá ser apresentada no ato da vacinação.

SECRETARIO-DE-SAUDE-1