domingo, 25 julho 2021
BALANÇO DA SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE SEROPÉDICA

BALANÇO DA SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE SEROPÉDICA

PREFEITURA DE SEROPÉDICA APRESENTA BALANÇO DAS AÇÕES DA SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E DIREITOS HUMANOS

A Prefeitura de Seropédica apresenta o balanço das ações desenvolvidas pela Secretaria da Assistência Social e Direitos Humanos durante o ano de 2015. “Durante o ano de 2015 foram desenvolvidas ações de cidadania, levando à comunidade programas e projetos que visaram sempre à inclusão social e disponibilizou serviços de qualificação profissional, assistência às crianças, jovens e idosos do município”, disse o prefeito Martinazzo.

A secretária da pasta, Neuza Cezário, destacou que o principal objetivo do órgão é o fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários bem como o atendimento psicossocial. “Desta forma, incansavelmente a secretaria, através de seus órgãos como o CREAS e o CRAS busca ampliar seus atendimentos, com um especial atendimento aos cidadãos”, frisou.

De acordo com a secretária, todas as ações e projetos que foram desenvolvidos ao longo de 2015 foram fruto de muito empenho e trabalho de todas as equipes que sempre trabalharam comprometidas com as suas funções e responsabilidades. “Todos que fazem à assistência social do município são comprometidos com a comunidade. Trabalhamos com empenho e carinho para desenvolver projetos importantes, sejam independentes ou em parceria com outros departamentos municipais”, disse.

Outro assunto levantado foi a questão da geração de emprego e renda no município. Neuza Cezário disse que Secretaria trabalha para resgatar a independência financeira das famílias e para isso a Secretaria apostou na capacitação. “A Secretaria Assistência Social oferece cursos de capacitação profissional, que tem por objetivo promover a geração de renda para a população de Seropédica”.

Compõem a estrutura da secretaria 1 Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), com 4 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), o Núcleo Integral de Atendimento a Mulher, o Núcleo da Terceira Idade, a Casa da Criança e o Programa Bolsa Família.

A Secretária apresentou um balanço que mostra o número de atendimentos de acordo com cada setor. O levantamento aponta que em Seropédica em 2015 foram beneficiadas  6.441 com o programa Bolsa Família, Neuza salientou que todas as famílias são acompanhadas e recebem visitas periódicas dos assistentes sociais.

Neuza mostrou ainda que durante o ano de 2015, os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) realizaram 24.798 atendimentos individuais e 3133 famílias atendidas nos programas disponíveis.  A Casa da Criança atendeu 18 crianças no ano de 2015.

O CREAS caracteriza-se pelo atendimento prestado á famílias e indivíduos que vivenciam violações de direitos como, violência física; psicológica; negligência; afastamento do convívio familiar por aplicação de medida socioeducativa ou medida de proteção; violência sexual (abuso e/ou exploração sexual); tráfico de pessoas; situação de ruas e mendicância; abandono; vivência de trabalho infantil; discriminação em decorrência da orientação sexual e/ou raça/etnia; Formas de violação de direitos decorrentes de discriminações/submissões e situações que provocam danos e agravos a sua condição de vida e os impedimentos de usufruir autonomia e bem estar, e no ano de 2015 atendeu a 3.150 pessoas.

O CRAS atua como a principal porta de entrada do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), sendo responsável pela Organização e Oferta de Serviços da Proteção Social Básica nas áreas de vulnerabilidade e risco social. Nele é ofertado o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), no qual consiste em um trabalho de caráter continuado que visa fortalecer a função protetiva das famílias, prevenindo a ruptura de vínculos, promovendo o acesso a direitos e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida.

Neste contexto o município de Seropédica conta apenas com 4 CRAS, priorizando o atendimento aos beneficiários dos programas sociais e famílias de baixa renda que se encontra em situação de vulnerabilidade e risco social. Através de ações do PAIF (Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família, procura atender uma complexidade e diversidades de problemas que afetam as famílias em sua esfera socioeconômico-familiar no nosso município. Totalizando um atendimento geral de 24.798.

1-61-620x350