UM ALERTA DO SEROPÉDICA ONLINE, VALE A PENA ARRISCAR PEGAR ÔMICRON POR 15 MINUTOS DE FOGOS?

Ainda sem seu formato tradicional, mas superior a 2021, festa que marca a chegada de 2022 será transmitida via YouTube pela Prefeitura

O Réveillon 2022 no Rio de Janeiro ainda não será da maneira que estávamos acostumados até a virada de 2019 para 2020, mas certamente será mais alegre do que o último e servirá como um fio de esperança para que, no ano que vem, a festa volte aos seus parâmetros tradicionais.

Para este, a Praia de Copacabana, na Zona Sul da capital fluminense, contará com um ”manifesto à vida” em forma de vídeo gravado pela cantora carioca Teresa Cristina. A iniciativa antecederá a contagem regressiva para o Ano Novo e os 16 minutos previstos de queima de fogos.

Já em relação à parte musical, a festa ficará a cargo do DJ Mam e terá como tema a frase ”Celebre a Esperança”. A playlist escolhida por ela será propagada por meio de 25 caixas espalhadas pela orla, mas o responsável pelas carrapetas não estará visível, que, para vê-lo, terá que acessar o canal no YouTube da Riotur.

”Já que não podemos chamar para as festas, estamos levando a festa para a casa das pessoas. De uma forma bem democrática, estamos oferecendo um DJ para estar na sala de casa das famílias, com uma trilha musical incrível e que valorizará a música brasileira. Todos ficaremos na mesma vibe musical para celebrarmos o ano de 2022 juntos”, explica a presidente da Riotur, Daniela Maia.

Vale destacar que Mam estará trajado como seu personagem, um indígena Jedi, que é inspirado nos filmes ”Star Wars”. De acordo com o DJ, a trilha sonora do evento terá início com uma música, segundo ele, ”inesquecível”, e incluirá também muito samba, MPB e bossa nova.

”Posso garantir que clássicos que me inspiraram a compor a música oficial da cidade, ‘Oba Rio’, que completa 10 anos este ano como hino da Riotur, bem como o tema dos 80 anos do Cristo, ‘Redentor’, serão tocadas em versões originais e revisitadas. São elas ‘O Guarani’, do maestro Carlos Gomes, ‘Samba do Avião’, de Tom Jobim, e ‘Aquele Abraço, de Gilberto Gil”, diz ele.

DJ Mam – Foto: Reprodução/Internet

Para o veterinário Gabriel Moraes, morador da Vila da Penha mas que passará o Réveillon em Copacabana num apartamento de sua família, a festa, embora não vá ser nos padrões tradicionais, tem tudo para ser marcante.

”É a primeira vez que passaremos o Ano Novo por lá. Estamos muito ansiosos, mesmo sem o formato de outrora, pois é oportunidade de termos um contato ainda mais ‘íntimo’ com a festa em si e com o ambiente do bairro”, diz.

Como chegar

Para quem quiser ir até Copacabana, o MetrôRio é a melhor opção. No entanto, vale lembrar que o referido transporte público só estará disponível para embarque até às 20h, sendo reaberto somente às 07h do dia seguinte (01/01).

Paralelamente, é importante ressaltar também que o estacionamento de veículos na orla será proibido a partir das 18h (exceto para quem comprovar moradia ou hospedagem em Copacabana), além do veto à entrada de ônibus fretados na cidade a partir das 00h do dia 31/12.

Fonte: Diário do Rio