Treinador comemora sucesso na fuga do Z-4 e se mostra sorridente dias antes da semifinal da Copa do Brasil contra o Galo: “Bônus em ano que começou muito ruim”

A pressão continua grande, mas é encarada com muito mais alegria no Flamengo. Com a vitória por 3 a 0 sobre a Chapecoense, Vandelei Luxemburgo decretou o fim da “zona da confusão” para o Rubro-Negro no Campeonato Brasileiro e colocou foco total na Copa do Brasil. Na quarta-feira, o rival será o Atlético-MG, em partida que definirá um dos finalistas da competição nacional. E o treinador se mostrou à vontade diante da tensão que precede um jogo decisivo.
images (10)
Com a principal missão do ano quase que matematicamente cumprida, com a permanência do Fla na Série A, Luxa disse que agora o clube vive uma realidade da qual está acostumado: a disputa por títulos. O treinador, entretanto, tirou o peso de uma possível eliminação e lembrou que a competição em mata-mata é um extra para um time que até pouco mais de três meses atrás sofria na lanterna do Brasileirão.

– Essa é a cobrança gostosa, por disputa de título. Saímos da confusão e temos a possibilidade de ter um bônus em um ano que começou muito ruim e poderia não ter nada. Evitamos a Segunda Divisão e podemos disputar uma final. Essa é uma cobrança de pertencer a times grandes – comemorou.

Vanderlei Luxemburgo Treino Flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)