Segundo os dados do Radar SIT, do governo federal, foram contabilizados 1.694 acidentes com mortes, no ano passado. A média diária de acidentes passou de 1,1 mil ocorrências. Segundo especialista em segurança do trabalho, a adoção de sistemas de gestão focada em saúde e segurança do trabalho pelas empresas ajuda a prevenir ocorrências.

Acidente laboral que causa traumas diversos e pode resultar em morte é um dos principais pesadelos tanto de empregados quanto de empregadores. Infelizmente, essa foi a realidade para 423.217 pessoas que sofreram acidentes enquanto trabalhavam, no passado, em todo Brasil, com média diária de 1.159 ocorrências. Desse total, 1.694 trabalhadores não sobreviveram. Os dados são do Radar SIT Acidentes de Trabalho, do governo federal.

Dos acidentados em 2021, 133.757, ou 32% dos que se acidentaram, tiveram que se ausentar do trabalho por mais de 15 dias. Entre as situações que geraram as ocorrências, queda da pessoa com diferença de nível figurou em primeiro lugar, com 53.843 notificações. Fratura foi a principal natureza das lesões ocorridas nos acidentes.