No acumulado do ano, o saldo ainda é negativo. No entanto, o ministro acredita que é possível que o Brasil termine 2020 sem perder nenhum emprego formal.