Após abrir em queda, índice subia 0,55% às 14h50 e ficava em 114.944,55 pontos

O Ibovespa superou a marca dos 115 mil pontos pela primeira vez da história na tarde desta quinta-feira (19) e renovou o recorde intradiário para 115.011 pontos. Caso se mantenha no azul até o encerramento do pregão, o índice chegará ao quinto recorde de fechamento em seis sessões e o terceiro consecutivo.

A alta ocorre após a Bolsa abrir em queda. Pela manhã o índice chegou a ficar abaixo dos 114 mil pontos e permaneceu no vermelho até o começo da tarde, quando o cenário inverteu.

Às 14h50, o Ibovespa subiu 0,55% e ficava em 114.944,55 pontos.

Profissionais têm citado que faltam catalisadores relevantes à bolsa brasileira, mas que as expectativas para a economia no próximo ano tendem a sustentar o ambiente benigno no pregão nos últimos dias de 2019 e atenuar movimentos de realização de lucros.

Para a equipe da Guide Investimentos, a defesa de uma nova CPMF pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, pode gerar algum desconforto, mas, na visão dos analistas, não será o suficiente para atrapalhar o bom desempenho do mercado doméstico.

Fonte: EXAME

Faça o seu comentário