Entre as instituições financeiras que diminuíram estão Banco do Brasil, Itaú e Bradesco

Após a queda da taxa Selic, indicador básico de juros da economia, que caiu para 4,25% ao ano, divulgada pelo Banco Central na quarta-feira, os bancos resolveram reduzir também os juros de inúmeras linhas de crédito, por exemplo, financiamento imobiliário e empréstimo pessoal. Entre as instituições que diminuíram estão Banco do Brasil, Itaú e Bradesco. 

O BB, por exemplo, anunciou a redução nas taxas de juros em linhas de crédito para o varejo das pessoas física e jurídica, além do crédito imobiliário. Na aquisição de imóveis nas linhas Carteira Hipotecária e Sistema Financeiro da Habitação (SFH), os juros cairão de 7,20% ao ano para taxas a partir de 6,99% ao ano. As novas condições ocorrem de acordo com o prazo da operação e o perfil do cliente.

As novas condições entram em vigor a partir da próxima segunda-feira, e estarão disponíveis em todos os canais do banco (app, internet banking, caixas eletrônicos e agências).
 

O Itaú também reduziu tanto para clientes pessoa física e jurídica. No caso de pessoas físicas, a queda será no empréstimo pessoal, já para pessoa jurídica, no capital de giro. Os novos valores também passam a valer a partir de segunda-feira e as taxas variam conforme o perfil do cliente e de relacionamento com o banco.

Além desses bancos, o Bradesco também informou que diminuirá as taxas de juros de suas principais linhas de crédito. Porém, não divulgou quais taxas são essas. Assim como as outras instituições, os novos ajustes começam na segunda-feira.

Fonte: O DIA

Faça o seu comentário