Animais são deixados em sacos plásticos com identificação

Os funcionários de uma empresa de Seropédica, encontraram um cemitério ilegal de cães em um terreno da região.

Segundo os funcionários, os animais mortos foram deixados dentro de sacos plásticos com identificação. Eles suspeitam que clínicas veterinárias tenham feito esse descarte irregular.

Foram encontrados mais de 30 corpos no terreno. Alguns deles eram de animais de raça e ainda estavam conservados. Em um vídeo, é possível ver sacos pretos com corpos dentro. Em outro vídeo, veem-se ossadas espalhadas.

Ainda segundo os denunciantes, o que chama atenção é que os corpos estão identificados por etiquetas com os nomes dos animais, dos donos, número de registro e destino. Para eles, os dados podem significar que os cães estariam sob os cuidados de alguma clínica veterinária.

O descarte de animais mortos infringe leis ambientais e pode representar perigo para quem circula na região.

O terreno fica há cerca de 500 m da UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) e seria uma área do governo federal. Em nota, a UFRRJ informou desconhecer o fato de animais terem sido abandonados.

3wrzk5j3af_9alui19cby_file