Hoje ((domingo) é o último dia da Feira da Providência, no Riocentro, estive no sábado e vi de perto esta exposição com vários estandes de vários estados do Brasil como de outros países, com produtos típicos de cada localidade. A arrecadação desta feira destina-se as obras sociais da Igreja Católica. O tema deste ano é esporte em homenagem aos Jogos Olímpicos de 2016. Ao todo, 32 países e 14 estados brasileiros estão representados no evento por comidas típicas, artesanato e produtos de cada região

Há opções da Índia, Turquia e Marrocos para todos os bolsos e gostos. E a concorrência é acirrada. Uma barraca da Índia já fazia promoção Era possível comprar um lenço por R$ 5 e uma blusa por R$ 20. Em outro estande, de Bangladesh, um lenço de seda custava R$ 20 e um colar de pedras chegava a R$ 2 mil.

O público elogiou a variedade de produtos e os preços. “Compramos panetone por R$ 7,49, muito mais em conta que em qualquer supermercado”, disse Olinda Silva, frequentadora da feira há seis anos. Ela e as amigas chegaram cedo para comprar, principalmente, bebidas e outros produtos alimentícios. De acordo com os organizadores, o dia da abertura é dos consumidores tradicionais, que esperam a feira para fazer suas compras de fim de ano e para renovar a casa.

Cerca de 300 expositores participam este ano do evento montado no espaço de 35 mil metros quadrados. Organizado pelo Banco da Providência, a feira arrecada dinheiro anualmente para que mais de duas mil famílias saiam da pobreza extrema. O lucro é investido em atividades sociais e representa 60% do orçamento do banco, que atua em 70 comunidades do Rio, promovendo atividades de trabalho e geração de renda.

Na área gastronômica, faz sucesso os food trucks, seis lanchonetes sobre rodas que oferecem tapiocas, crepes, café e picolé mexicano e hambúrguer. Quem prefere a tradição pode se deliciar com os doces portugueses variados que custam R$ 7. Também estão com boa procura os doces mineiros e os salames e vinhos do Rio Grande do Sul.

No sábado a programação foi:

16h30 – Renascer Andino – grupo musical da Bolívia
17h30  – Centro Coreográfico Hafsa –  dança oriental
18h30 – Arte em Dança Renata Moraes –  dança oriental, de salão, street dance e cigana
19h – Rancho Folclórico Mª F. Casa do Minho – folclore de Portugal
20h – Rassan – show acústico de pop rock

 Veja abaixo a programação cultural. neste Domingo:

14h – Studio de Dança Rosas de Fogo – cultura cigana
15h30 – Samyra Haddad – dança do ventre
16h – Gafieiríssima  – dança de salão
17h30 – Grupo Kizuna – dança japonesa
18h – Comrua – dança de rua
19h – Faces do Oriente – dança do ventre

Serviço
Endereço: Av. Salvador Allende, 6.555 – Barra da Tijuca – Riocentro
Data: 3 a 7 de dezembro
Horário: 12h às 23h
Preço: R$ 16,00 (quarta a sexta) e R$ 18,00 (sábado e domingo)
Gratuidades: crianças até 1 metro de altura não pagam
Estacionamento: R$ 15,00  – O evento não é responsável pelo valor cobrado

 

DSC_0011DSC_0021DSC_0037DSC_0046DSC_0057DSC_0064DSC_0071DSC_0088DSC_0102DSC_0141DSC_0145DSC_0161

 

Faça o seu comentário