Embora existam relatos anteriores, o primeiro documento formal da posse da Marambaia foi registrado em 1856, em nome do comendador Breves. Breves morreu em 1889, passando a região para sua viúva. No ano de 1908, a Restinga se tornou, oficialmente, da Marinha do Brasil.

A Restinga da Marambaia e Ilhas próximas, são consideradas um dos locais mais lindos do Brasil. A História desta localidade vem desde o período dos Navios Negreiros, que vinham da África e aportava nesta localidade para transbordo dos escravos.

Em 1943 iniciou-se a construção da Ponte Velha que liga o continente (antiga região de Guaratiba) à restinga, passando a funcionar na parte leste da mesma o então Polígono de Tiro da Marambaia, quartel este posteriormente denominado Campo de Provas da Marambaia a partir de 1948. Em 2004 passou a chamar-se Centro de Avaliações do Exército (CAEx).

No passado, a Marambaia foi usada para “engorda” dos negros trazidos da África, antes de serem vendidos. Com o fim da escravidão, ex-escravos e seus descendentes permaneceram no local, ocupando a terra de forma tradicional e trabalhando como pescadores artesanais. Na década de 1970, a ilha passou a ser usada como área de treinamento pelos fuzileiros navais, tendo surgido, a partir daí, os conflitos fundiários e a batalha judicial em torno da posse da ilha.

 

Faça o seu comentário