Pescadores de tanto ver o descaso do Governo do Estado do RJ, fiscalizado pelo INEA, arregaçam as mangas e fazem contenção para evitar maior contaminação do Rio Guandu com material químico que vem junto com esgoto no Pantanal Iguaçuano. 

O esgoto esta entrando na captação da CEDAE, que abastece o Rio de Janeiro e Baixada Fluminense de água “Potável”. O esgoto esta criando espuma que chega a três metros de altura, e tem queimado toda vegetação por onde passa. Se mata a vegetação, imagina o ser humano que vai beber está água.

O Coordenador Logístico do Pantanal Iguaçuano, Edson Monteiro, e vários pescadores que necessitam do Rio Guandu para sua sobrevivência, vem limpando o rio de garrafas pet, pneus, sofás, tudo que tipo de lixo que é jogado no rio, além de fazerem a contenção do esgoto. Com isso surgiu um problema grave no meio ambiente, a poluição fluvial, que pode provocar danos irreversíveis ao rio e ao mar, provocando a morte e até a extinção por completo de espécies de peixes.

Porque o Governo do Estado não investe para acabar com o esgoto, que além de matar os peixes, está contaminando e prejudicando a qualidade da água que é consumida pelos cariocas, como aconteceu a pouco tempo. Uma investigação tem de ser feita, para ver onde surge o material químico que está formando tanta espuma e matando os peixes. 

 

 

Faça o seu comentário