Washington Luiz Gege Alves era um dos líderes do tráfico de drogas da comunidade Proença Rosa, em Honório Gurgel

O corpo do traficante Washington Luiz Gege Alves, conhecido como Mata Rindo, de 28 anos, foi encontrado no porta-malas de um carro na Avenida Brasil, na altura de Honório Gurgel, na Zona Norte do Rio, na segunda-feira. O veículo estava sendo dirigido por dois suspeitos, que foram presos após uma perseguição policial.
De acordo com a Polícia Militar, a perseguição começou quando agentes do 9º BPM (Rocha Miranda) que estavam patrulhando a Estrada João Paulo tentaram abordar os suspeitos. Eles fugiram do local, mas foram alcançados momentos depois na Brasil.
Durante uma revista no automóvel, os PMs encontraram o corpo de Mata Rindo no porta-malas do carro. Os dois homens que estavam no veículo foram presos.

Washington Luiz Gege Alves, Mata RindoDIVULGAÇÃO / POLÍCIA MILITAR

Washington Luiz Gege Alves, Mata Rindo DIVULGAÇÃO / POLÍCIA MILITAR

Washington Luiz Gege Alves, Mata Rindo DIVULGAÇÃO / POLÍCIA MILITAR

Mata Rindo era um dos gerentes do tráfico de drogas da comunidade Proença Rosa, em Honório. De acordo com testemunhas, ele foi morto por comparsas da própria região onde exercia liderança.
Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) investiga o episódio. “Diligências estão sendo realizadas para esclarecer o caso”, disse a Polícia Civil.

Faça o seu comentário