Nesta última quarta-feira, 25/9, foram entregues os primeiros nove caminhões de coleta de lixo 100% elétricos da Comlurb. A frota torna o Rio de Janeiro a primeira cidade do mundo, fora da China, a contar com esse tipo de veículo ambientalmente sustentável.

Os 9 caminhões (8 em operação e 1 reserva) são montados em chassis movidos 100% a eletricidade, com ruído zero em deslocamento e 0% de emissão de gases de efeito estufa. O motor é tão silencioso que, durante a apresentação, a violinista e professora de música Lara Salustiano, foi convidada a tocar com o seu instrumento o clássico da MPB Carinhoso, canção do compositor Pixinguinha, com letra de Braguinha. Ela estava ao lado de um caminhão ligado. E ficou impressionada por não ouvir qualquer ruído.

– SÃO VÁRIAS VANTAGENS DESSE TIPO DE CAMINHÃO. OS VEÍCULOS ELÉTRICOS GERAM MUITO MENOS BARULHO E FAZEM A COLETA NOTURNA MAIS SILENCIOSA, SEM INCOMODAR AS PESSOAS. E ELES GASTAM MENOS TAMBÉM EM COMBUSTÍVEL, JÁ QUE O CUSTO DA ENERGIA PARA RECARREGÁ-LOS É UM QUARTO DO CUSTO DO DIESEL. OS NOSSOS GARIS DEIXAM DE RESPIRAR OS GASES DO ESCAPAMENTO, QUANDO ESTÃO TRABALHANDO ALI NA PARTE DE TRÁS DO VEÍCULO. E PARA O MOTORISTA, É MAIS CONFORTO: A CABINE É REFRIGERADA, É TUDO ELETRÔNICO, A CAIXA (DE CÂMBIO) É AUTOMATIZADA. O MOTORISTA VAI ESTAR SEMPRE COM AS DUAS MÃOS AO VOLANTE, O QUE GERA MAIS SEGURANÇA NO TRABALHO – DESCREVEU O PRESIDENTE DA COMLURB, PAULO MANGUEIRA.

Com capacidade de armazenamento de 15 metros cúbicos, os veículos foram testados antes de entrar em operação. Outro grande diferencial são os freios regenerativos, o que significa que, quando estão em declive, suas rodas geram automaticamente energia para a bateria.

Investimento em veículo elétrico vai continuar

Para o motorista, cabine refrigerada e tudo automatizado, o que o faz manter as duas mãos no volante e aumenta a segurança no serviço de coleta de lixo. Foto: Marcos de Paula / Prefeitura do Rio
Foto: Marcos de Paula / Prefeitura do Rio

Em até seis meses deverão ser entregues mais seis caminhões e, até o fim de 2020, outros cinco, totalizando 20 veículos 100% elétricos na frota de coleta da Comlurb, o que equivale a cerca de 10% do total.

Os veículos são movidos a bateria, com vida útil estimada de até 30 anos. As baterias serão recarregadas diariamente nas sedes das empresas contratadas para o serviço e têm autonomia de 200 km, o equivalente a cerca de oito horas em operação, em condições normais de trânsito.

A transmissão automatizada de quatro marchas reduz a fadiga e o estresse do condutor, devido à ausência do pedal de embreagem e da alavanca de câmbio. Com a transmissão automatizada, o motorista pode manter as duas mãos no volante e ter atenção total na operação do veículo.

Em junho do ano passado, a Comlurb havia lançado os três primeiros veículos tipo furgão 100% elétricos para a coleta de resíduos biológicos em hospitais e clínicas da rede municipal de saúde. A chegada da nova frota é mais uma demonstração da preocupação da companhia em melhorar o serviço prestado à população e aumentar sua contribuição para o meio ambiente.

Uma coincidência, a Byd, que vendeu os caminhões, é a empresa chinesa que o ex-prefeito,e desafeto do bispo Marcelo Crivella, trabalha.

Fonte: Diário do Rio

Faça o seu comentário