Chamas começaram um caminhão-tanque e se alastrou para outros sete veículos com combustíveis. Incêndio assustou moradores de comunidade vizinha, fechou pista da Avenida Brasil e foi visto de diversas partes da cidade

A Refit, responsável pela Refinaria de Manguinhos, abriu uma sindicância para apurar as causas do incêndio que começou em um caminhão-tanque cheio de combustível, se alastrou por pelo menos outros sete e assustou moradores das redondezas e foi vista de vários bairros do Rio. A Agência Nacional do Petróleo (ANP) também informou que iniciará um processo administrativo para investigar o que causou o fogo.

De acordo com a empresa, o fogo começou em um único caminhão, mas em questão de minutos atingiu as demais carretas que se encontravam próximas ao local. A Brigada de Incêndio da Refit iniciou o combate às chamas e impediu o alastramento para outras áreas.

“Com isso, a prioridade de nossa brigada de incêndio foi em evacuar as instalações e impedir o alastramento do fogo. O incêndio foi controlado e a refinaria abrirá uma sindicância interna para apurar todas as causas que levaram a esse incidente. A Refit pede desculpas ao transtorno causado e segue firme em seu compromisso com a comunidade Fluminense”

O incêndio mobilizou bombeiros de dez quartéis. Uma pessoa foi atendida pelos militares por inalação de fumaça. As chamas foram controladas em cerca de duas horas. A ANP enviou uma equipe do órgão regulador ao local e disse que o incêndio não provocará impactos no abastecimento de combustíveis.

Fonte: O DIA

 

Faça o seu comentário