A sustentabilidade se tornou tema de discussão nas mais diversas áreas, no setor de alumínio não é diferente, a busca para atender esta demanda já faz parte da estratégia de negócios da maior parte das empresas da cadeia do alumínio que trilham o caminho da economia verde de forma mais estruturada. Este esforço pode ser visto através do compromisso com a preservação ambiental e investimento em reciclagem. A reciclagem do alumínio é uma das principais vantagens do material, que pode ser reaproveitado na indústria para diversos fins, recuperando grande parte do investimento inicial feito para sua extração e economizando energia, além de beneficiar o meio ambiente, já que ocorrerá uma redução da extração da matéria-prima da natureza.

Que o alumínio pode ser reciclado é de conhecimento geral, mas você sabia que não é só a lata de alumínio que pode ser reaproveitada? Qualquer produto fabricado em alumínio após o fim da sua vida útil pode e deve ser reciclado. São janelas, portas, panelas, escadas, peças de automóveis, bicicletas, estrutura de box de banheiro e cadeiras que podem ser encaminhados para a reciclagem e se transformarem em novos produtos que serão utilizados na construção civil, indústria automotiva, bens de consumo, siderurgia, entre outros segmentos. Na construção civil, o alumínio se torna a opção mais sustentável para as obras, seja nas esquadrias de portas e janelas ou estruturas de sustentação. O alumínio agrega muito mais valor a uma construção em relação a outros materiais, pois é comercialmente valioso e viável. Além de ser mais eficiente também do ponto de vista energético e de conforto ambiental. De acordo com a Sales Metal , empresa especializada em esquadrias de alumínio, a escolha desse metal fará sua obra ecologicamente saudável por décadas ou, até mesmo, séculos.

O processo de reciclagem do alumínio é sustentável, ecologicamente correto e apresenta vantagens como a diminuição do volume de resíduos nos aterros sanitários. Descartados, os objetos de alumínio eles irão para os aterros e levarão anos para se decomporem. Além disso, o processo utiliza apenas 5% da energia elétrica, quando comparado à produção de alumínio primário e não prejudica o material, todas as propriedades físicas do alumínio são preservadas ao término do processo. Para as empresas fabricantes, esta vantagem reduz significativamente a pegada de carbono global de todas as janelas e portas de alumínio. Com tantas vantagens, o alumínio é o campeão de reciclagem no Brasil, visto que 91,5% da matéria-prima utilizada na indústria é reciclada, de acordo com dados do IBGE.

Está construindo? Que tal utilizar materiais de alumínio na sua obra? O meio ambiente agradece e você pode aproveitar todos os benefícios do alumínio na sua casa. Não perca esta oportunidade!

Faça o seu comentário