Dois policiais da 48DP, Seropédica, saíram pra jantar e foram atacados por marginais. Um deles conseguiu pedir prioridade, mas após o pedido os dois desaparecerem. A viatura foi encontrada nos acessos do morro do carvão. Os Policiais da CORE estão a caminho.

Equipes da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) acabam de chegar à Seropédica, na Baixada Fluminense, onde se juntam a dezenas de policiais civis e militares nas buscas pelo delegado Diego Schetino e pelo inspetor Alessandro Halas.

Lotados na 48DP, os dois saíram para jantar, na noite deste sábado, dia 8 de julho, e desapareceram após pedir prioridade. Segundo informações preliminares, eles teriam se deparado com uma quadrilha de roubo de cargas​.

A viatura em que os dois policiais estavam foi localizada próximo a um dos acessos ao Morro do Carvão, em Itaguaí, na Baixada Fluminense. Os policiais ainda não foram encontrados.

Policiais civis e militares – de serviço e também muitos que estão de folga e moram na região – estão realizando buscas. O helicóptero do Serviço Aeropolicial (SAER) da Polícia Civil não pode auxiliar na ação pois o Governo do Estado cortou o pagamento do fornecimento de combustível para a aeronave.

Segue o relato da jornalista Roberta trindade que acompanha o caso:

“O helicóptero do Grupamento Aeromóvel (GAM) chegou a Itaguaí, na Baixada Fluminense, para apoiar as buscas ao delegado Diego Schetino e ao inspetor Alessandro Halas.

As antenas dos dois aparelhos de telefone celular estão sendo monitoradas. De acordo com elas, delegado e inspetor estão em localidades diferentes.

Lotados na 48DP, os dois saíram para jantar, na noite deste sábado, dia 8 de julho, e desapareceram após pedir prioridade. Segundo informações preliminares, eles teriam se deparado com uma quadrilha de roubo de cargas​.

A viatura em que os dois policiais estavam foi localizada próximo a um dos acessos ao Morro do Carvão. Os policiais ainda não foram encontrados.

Policiais civis e militares de serviço e também muitos que estão de folga e moram na região, estão auxiliando nas buscas. O helicóptero do Serviço Aeropolicial (SAER) da Polícia Civil não pode auxiliar na ação pois está sem manutenção e sem combustível.

 

Faça o seu comentário