Enorme mancha opaca com poeira do deserto africano é a mais densa já registrada em meio século

Depois de notícias “apocalípticas” de asteroides, buracos negros e nuvem de gafanhotos, a onda de fenômenos um tanto inusitados da natureza inclui agora a notícia de que uma “nuvem de poeira Godzilla”, como foi apelidada por cientistas, cobre há dias parte do Oceano Atlântico e alcançou o Caribe.

Imagens de satélites detectaram a enorme mancha opaca, que consiste em uma massa de ar muito seco com poeira do deserto africano, que está se movendo em direção às Américas.

Segundo a BBC, fenômenos como a “Godzilla” são comuns e ocorrem anualmente. No entanto, de acordo com cientistas que acompanham o caso, a nuvem se intensificou este ano e já é considerada, segundo meteorologistas, a mais densa já registrada em meio século.

De acordo com a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA, na sigla em inglês), a nuvem continuará se movendo rumo ao Oeste pelo Mar do Caribe, alcançando áreas do norte da América do Sul, América Central e da Costa do Golfo dos Estados Unidos nos próximos dias. O Brasil não deve ser atingido.

 

Faça o seu comentário