O Ministério de Infraestrutura prevê investimentos de R$30 bilhões, para ampliar a malha ferroviária do país. Os recursos seriam obtidos através de concessões.

As Informações foram detalhadas pelo ministro Tarcísio Freitas, que participou nessa quinta-feira (06) do 1º Fórum de Desenvolvimento Sustentável da Costa Verde, realizado na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), na cidade de Seropédica.

Segundo o ministro, o governo planeja ainda trabalhar por uma mudança legislativa que permita o regime de autorização. Trata-se de um modelo em que o investidor tem mais liberdade do que no regime de concessão. 

Um estudo de 2018, da Fundação Dom Cabral, aponta que a malha rodoviária é utilizada para o escoamento de 75% da produção. As ferrovias respondem por apenas 5,4%.

EBC

 

Faça o seu comentário