Em Santa Missa realizada na Paroquia Nossa Senhora das Graças, Comunidade do Cruzeiro, neste domingo (12), o Padre Paulo Sergio fala sobre a parábola do Bom Pastor.

“Na sua disputa com os fariseus Jesus lhes apresenta uma parábola. Jesus lhes afirma que “quem não entra pela porta no redil das ovelhas, mas sobe por outro lugar, é ladrão e assaltante”, todavia “o que entra pela porta é o pastor das ovelhas”. Nestes dois versículos Jesus já apresenta aos seus interlocutores duas imagens que vão ser explicadas no decorrer do seu discurso: a imagem da porta e a imagem do pastor. Jesus está falando aqui de si mesmo: Ele é a porta e Ele é, também, o pastor das ovelhas. Depois desta introdução Jesus lhes apresenta uma outra imagem: “as ovelhas ouvem a sua voz e ele chama as suas ovelhas, cada uma por seu nome e as conduz para fora. Tendo feito sair todas as que são suas, caminha à frente delas e as ovelhas o seguem, pois conhecem a sua voz.” Jesus é o verdadeiro pastor que entra pela porta e que chama as ovelhas que são suas.

Cristo chama as ovelhas cada uma por seu nome e as conduz para fora. Quando elas estão reunidas Ele caminha à frente delas e elas o seguem. E para onde as ovelhas o seguem? Não somente para pastagens seguras aqui, mas as ovelhas o seguem para o seu Reino. Afinal de contas, Ele foi a fim de preparar-nos um lugar para que estejamos um dia junto d’Ele. Cristo é o pastor que nos conduz para as “águas repousantes” que brotam do trono do Cordeiro visto por João no Apocalipse. Cristo é Aquele que nos conduz para a casa do Senhor, onde, segundo o salmista, habitaremos “pelos tempos infinitos”.

No final da Santa Missa foi realizado uma homenagem para as mães e um cântico em homenagem a Maria, Mãe de Jesus Cristo.

 

 

 

Faça o seu comentário