O governador em exercício, Cláudio Castro, sancionou a lei que institui o Serviço Militar Temporário Voluntário (SMTV).

Com isso, um novo concurso Bombeiros RJ para temporários está confirmado! A lei deverá ser publicada ainda nesta semana no Diário Oficial do Estado. 

Edital com 3 mil vagas em outubro

Com a aprovação da lei que permite temporários no Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, a corporação já trabalha para a publicação do primeiro edital, nesse modelo, em outubro.
Segundo Roberto Robadey Jr., o estado “está correndo com esse edital”. Ao todo, estão previstas 3 mil vagas, em todo o estado. 

“Serão distribuídas 40 vagas por para cada grupamento, que são quarteis maiores, e 12 vagas para cada destacamento”, disse.

Nesse primeiro momento, todas as oportunidades serão para soldados temporários. Neste caso, serão praticados os requisitos do último edital, como:

  • nível médio completo;
  • ambos os sexos; e
  • idade mínima de 18 e máxima de 25 anos.

É possível ainda que seja exigida uma altura mínima, mas essa informação não foi confirmada. Os aprovados receberão um salário mínimo no primeiro ano de atuação, passando para o valor de um soldado bombeiro militar, a partir do segundo ano. 

Seleção terá etapas semelhantes ao concurso

Ainda durante a entrevista, o coronel Roberto Robadey Jr. confirmou as etapas de seleção. Segundo o comandante, a primeira fase contará com uma corrida de 5 km, em que os candidatos serão monitorados por chip e filmagens.

Serão aprovados nessa etapa até três vezes o número de vagas previsto no edital. Sendo assim, até 15 mil candidatos serão habilitados para as provas escritas.
A avaliação contará com questões de Português e Matemática. Os aprovados realizarão então as demais etapas, como: 

  • Teste físico (mais completo);
  • Exame médico.

Aprovados em concursos anteriores podem ser temporários

Pela Lei que institui o Serviço Militar Temporário Voluntário nos Bombeiros do Rio de Janeiro, o número de temporários não poderá ultrapassar 15% do efetivo da corporação.
Além disso, as primeiras 400 vagas temporárias serão destinadas aos aprovados em concursos da instituição que ainda não foram convocados nas seleções para:

  • soldado bombeiro militar motorista de 2012;
  • soldado bombeiro militar combatente de 2014; e
  • soldado bombeiro militar técnico de enfermagem de 2014.

Em resposta à Folha Dirigida, o coronel Roberto Robadey Jr., confirmou que os aprovados nestes concursos já estão selecionados como temporários.

“Eles não serão chamados para cargos efetivos. Dessas 3 mil vagas, nós vamos tirar essas 400”, explicou o comandante.

Ainda segundo o coronel Roberto Robadey Jr., o limite de idade dos concursos já realizados será respeitado nesse caso. Ou seja, um aprovado que tenha mais de 25 anos (exigido para o processo seletivo) poderá tomar posse como temporário, mesmo tendo uma idade avançada.
A Lei aprovada, ainda assim, obriga a realização de concurso público para o quadro de oficiais em até três anos e prevê que os concursados excedentes possam ser convocados para o serviço após o término do Regime de Recuperação Fiscal do Estado

Além do concurso Bombeiros RJ para temporários, o CBMERJ estuda um novo concurso público para efetivos. Neste caso, o ingresso ocorreria para a carreira de sargentos.

“Pretendemos começar com a seleção de sargentos, anualmente. A Lei também criou essa possibilidade de nós fazermos uma Escola de Sargentos, nos moldes do Exército, onde cabo e soldado são temporários, sendo permanentes o sargento e oficial”, explicou o coronel.

Fonte: Folha Dirigida