Cerca de 15 criminosos armados com fuzis atiraram contra um helicóptero da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na manhã desta sexta-feira, no Arco Metropolitano, na divisa de Seropédica e Japeri, na Baixada Fluminense. Ação aconteceu durante um roubo de cargas na região. Um segurança que fazia a escolta do caminhão foi morto pelos bandidos.

Por volta das 9h, os criminosos, a bordo de um automóvel Toyota Corolla e de um Volkswagen Jetta, abordaram o motorista da carreta, anunciando o assalto. Eles levaram o veículo para a entrada da comunidade do Guandu em Japeri e o saquearam. O segurança que fazia a escolta da carga num Ford Ka tentou impedir, mas foi morto com um tiro no rosto. O nome da vítima não foi divulgado.

Houve intensa troca de tiros e alguns motoristas abandonaram seus veículos para se proteger. Segundo a polícia, a carga roubada é avaliada em R$ 1,5 milhão.

A pista ficou fechada por cerca de três horas. O caso será registrado na 63ª DO (Japeri).

Agentes do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) foram acionados e cercaram os ladrões. Os bandidos, então, atiraram contra as viaturas, dando início a um confronto. De acordo com a assessoria de imprensa da PRF, em meio ao tiroteio, os criminosos, escondidos numa área de mata, dispararam também na direção da aeronave da corporação, que dava apoio aos agentes.

Os bandidos fugiram com a carga, avaliada em cerca de R$ 1,5 milhão. Homens do 15º BPM (Caxias), do 24º BPM (Queimados), do 39º BPM (Belford Roxo) e do BPRV, apoiados pelo helicóptero da PRF e um outro do Grupamento Aeromóvel, tentam localizar o bando recuperar o material levado.

Faça o seu comentário