As aulas presenciais nas escolas da rede estadual da capital e de mais 35 municípios do RJ ficam suspensas até a próxima sexta-feira, 13, por conta do aumento do número de casos de Covid-19.  A medida foi anunciada na última sexta (6) pela Secretaria Estadual de Educação e valem para as seguintes cidades: Aperibé, Belford Roxo, Bom Jesus de Itabapoana, Cambuci, Carapebus, Cardoso Moreira, Cordeiro, Duas Barras, Duque de Caxias, Iguaba Grande, Italva, Itaocara, Itaperuna, Japeri, Laje do Muriaé, Mesquita, Miracema, Natividade,Nilópolis, Nova Iguaçu, Porciúncula, Queimados, Rio das Flores, Rio de Janeiro, Santo Antônio de Pádua, São Francisco de Itabapoana, São João de Meriti, São João da Barra, São José de Ubá, São Pedro da Aldeia, São Sebastião do Alto, Seropédica, Silva Jardim, Teresópolis, Trajano de Moraes e Varre-sai.

De acordo com informe da SEE, os alunos terão aulas remotas e as unidades funcionarão apenas para atividades administrativas, como a retirada de material pedagógico e do kit-alimentação, além de entrega de documentos e matrícula de alunos.

A medida não se aplica, porém, a outros 56 municípios onde as aulas da rede estadual estão autorizados e devem ocorrer no sistema de ensino híbrido – presencial e remoto. Na região a medida se aplica a Angra dos Reis, Barra do Piraí, Comendador Levy Gasparian, Engenheiro Paulo de Frontin, Itatiaia, Mangaratiba, Mendes, Miguel Pereira, Paraíba do Sul, Paraty, Pinheiral, Piraí, Porto Real, Quatis, Resende, Rio Claro, Três Rios, Valença, Vassouras e Volta Redonda.

Fonte: Diário do Vale