A Rodovia Raphael de Almeida Magalhães (BR 493), popularmente conhecido como Arco Metropolitano do Rio de Janeiro, inaugurada em 01 de julho de 2014, tornou-se uma das piores rodovias do país, em número de acidentes e assaltos. Em várias partes desta rodovia está sem proteção nos acostamentos, falta de placas indicativas e principalmente iluminação.

Nesta quarta-feira (30), o Vereador Bruno do Deposito, esteve no Arco Metropolitano e flagrou uma empresa recolhendo os postes que foram derrubados por ladrões. Segundo os funcionários da empresa eles estariam recolocando os postes no lugar e soldando os parafusos para evitar roubo. Todos os dias são roubados equipamentos de fotocélula e baterias deixando a rodovia sem iluminação. O Vereador Bruno tem recebido em seu gabinete reclamação de vários moradores que trabalham em outros municípios e precisam circular por esta rodovia.

“As reclamações são muitas, vai da falta de iluminação, queimadas que dificultam a visibilidade ocasionando engavetamento de veículos e assaltos. O Jurídico de meu Gabinete está preparando um requerimento ao Governo Federal para que possa com urgência resolver estes problemas que tanto afligem as pessoas que trafegam por esta rodovia”. Destaca o Vereador Bruno.

Vereador Bruno mostrando que foi roubados centenas de postes na rodovia, locais que estão sem iluminação
Verador Bruno perguntando ao responsável da empresa se tem autorização para retirada dos postes