Foi realizado nesta quarta-feira (6), reunião mensal do Conselho Comunitário de Segurança Pública de Seropédica, e contou com a presença do Ten Cel Brandão (CMT do 24°BPM); Cap Andrade (CMT da 4 Cia); Inspetor Bruno (Chefe da S.I da 48 DP); Sr. Gilmar (Presidente do CCS de Seropédica), Dr. Rafael (Representando a OAB de Seropédica); Sr Canuto (Responsável pela Guarda Patrimonial da UFRRJ); Sr. Bruno Gandra (Coordenador da Ordem Pública); Sra Odette (Representante do Conselho Tutelar).

O Presidente do Conselho Gilmar, deu início a reunião informando que não iria ler a ata anterior porque o Secretário do Conselho, Alexandre Rafael, não poderia comparecer por motivo de falecimento em sua família. Em seguida passou a palavra ao tenente Coronel Brandão Comandante do 24º BPM, que fez uma exposição dos trabalhos realizados pelos policiais sob seu comando nos municípios de sua abrangência.

Houve alguns questionamentos sobre som alto depois das 22 horas em alguns estabelecimentos do município. O Capitão Andrade informou que fez apreensão de dois veículos que estavam causando perturbação do sossego com som em alto volume, próximo a residências. E deu seu whatsapp para moradores fazerem reclamação sobre som alto e outros crimes.

O Inspetor Bruno da 48º DP de Seropédica, falou sobre o trabalho de investigação e conclusão dos inquéritos policiais. “A 48º DP passou de último lugar para 2º em elucidação de crimes sobre nossas investigações. Estamos a três meses em Seropédica, e pegamos muitos inquéritos que estavam sobre investigação e conseguimos tirar do meio social, muitos marginais que infernizavam a vida de moradores. Criamos um Whatsapp para denúncias, onde as reclamações ficam sobre sigilo absoluto (Disque Denuncias 48º DP (21) 97464-1445), e através deste whatsapp conseguimos elucidar alguns crimes”.

O Coordenador da Guarda patrimonial da UFRRJ, Sr. Canuto agradeceu o Capitão Andrade e ao Sr Bruno Gandra, Coordenador da Ordem Pública da Prefeitura de Seropédica, por ter eliminado os assaltos que ocorriam na ciclovia. “Não temos recebido reclamação dos alunos, que tinham medo de circular pela ciclovia, agora tanto a Guarda Municipal e a policia Militar tem deixado policias fazendo ronda naquela localidade e com viaturas paradas em pontos estratégicos”.