Alunos da rede municipal de Educação de Seropédica irão participar neste sábado (16), no CIEP 156 Dr. Alberto Sabin, da 13ª Olimpíada de Matemática das escolas públicas. Os Coordenadores de Matemática da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes, Roberto Delesporte dos Santos e Vera Lucia Coimbra, serão responsáveis pelas provas.

Serão 3o6 alunos do 5º ao 9º do 2º seguimento do ensino fundamental, de 13 escolas públicas da Prefeitura Municipal de Seropédica. Este ano, a competição nacional para estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio bateu novo recorde: 18,2 milhões de inscritos, de 53.230 instituições de ensino, atingindo 99,6% dos municípios brasileiros. Pela primeira vez, conta com estudantes de 4.472 colégios particulares.

Os estudantes classificados podem imprimir os cartões de confirmação e verificar os locais de prova no site www.obmep.org.br. A organização recomenda que os alunos cheguem aos centros de aplicação com pelo menos 30 minutos de antecedência, portando documento original de identificação (carteira de identidade, certidão de nascimento ou carteira escolar), o cartão informativo da OBMEP, lápis e borracha.

A OBMEP distribuirá o mesmo número de medalhas das edições anteriores a alunos de escolas públicas (500 de ouro, 1.500 de prata, 4.500 de bronze e até 46.200 menções honrosas). Os estudantes de escolas particulares receberão 25 medalhas de ouro, 75 de prata, 225 de bronze e até 5.700 menções honrosas.

Os vencedores serão anunciados em 22 de novembro no site da competição. As cerimônias de entrega dos prêmios da OBMEP ocorrem em 2018, em data a ser definida. Professores, escolas e secretarias de Educação também concorrem a prêmios, de acordo com o desempenho dos alunos na segunda fase (http://www.obmep.org.br/regulamento.htm).

Criada em 2005, a OBMEP é uma realização do IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada), com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC).

 

Faça o seu comentário