Foi realizado nesta quarta-feira (1), Palestra pelo fim da Violência contra mulheres, com o Tema, “Em briga de Marido e Mulher, se mete a colher?”. O evento foi realizado na Câmara de Vereadores e contou com a presença da Primeira-dama Isabel Ribeiro. O público alvo foi os Enfermeiros da Atenção Básica, representantes das unidades de saúde, e representantes da Assistência Social.

A Palestra foi realizada pela Inspetora da Policia Cível Tattiana de Moraes, com objetivo de sensibilizar os profissionais de saúde e da Assistência Social quanto as questões relacionadas a violência doméstica em geral, como também no município de Seropédica, dando ênfase na importância da informação, acolhimento e notificação dos casos ocorridos em nosso município.

O evento foi coordenado pela Diretora de Vigilância em Saúde, Carla Aparecida da Silva Santos. “Certamente você já ouviu a frase “em briga de marido e mulher não se mete a colher”. Se meter na vida pessoal de terceiros é uma atitude constrangedora e inadequada, mas em casos de violência doméstica e familiar é necessário meter a colher sim, até porque é a vida de uma mulher que está correndo risco. O silêncio diante de casos de violência doméstica e familiar está matando vidas e é uma das principais causas de morte entre as mulheres. Daí a importância da Lei nº 11.340/2006, mais conhecida como a Lei Maria da Penha”. 

Participaram do evento Policiais Militares da Patrulha Maria da Penha.