Na tarde desta sexta-feira, 27, a Prefeitura de Seropédica realizou no Auditório da Câmara Municipal a Audiência Pública para avaliação do cumprimento da metas fiscais do 1º e 2º quadrimestre do exercício financeiro do ano de 2013 do Plano Plurianual (PPA) do Município. O evento contou com a participação de Secretários Municipais, Vereadores e a comunidade em geral que tiveram a oportunidade de questionar valores e pedir explicações acerca dos gastos realizados pela prefeitura municipal.

Na Abertura do encontro o secretário de Governo Luiz da Costa Guedes falou da importância da Audiência. “Esse é o momento em que prestamos conta do que foi realizado, das metas atingidas e do uso do dinheiro público, levando em consideração o que ainda temos que realizar”, disse Guedes.

O subcontrolador geral do município Carlos Decembrino, apresentou com recursos de data show os dados referentes à arrecadação municipal, repasses constitucionais, limites de gastos, dentre outros aspectos referentes à movimentação financeira.

Em sua fala o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável Wilson Beserra falou sobre a dependência do município nos repasses do Governo Federal e do Governo Estadual. “Nosso objetivo é atingir uma receita municipal possibilite a independência dos fatores externos, tais como os repasses federais e estaduais, através do desenvolvimento sustentável, com a implantação de empresas na cidade que gerarão emprego e renda”, garantiu Wilson Beserra.

As despesas são todos os gastos realizados pelos Poderes Legislativo e Executivo com serviços, obras e compras, destinados a atender às necessidades coletivas da população belenense.

As receitas são compostas pelo dinheiro que o Município arrecada, através principalmente de impostos e de transferências do Estado e da União, para financiar as ações do governo.

O objetivo é aumentar a transparência da gestão pública municipal e contribuir para o aumento da conscientização da importância da participação da sociedade na Administração Pública (controle social) e o combate à corrupção.